Encontro
Amirt

Após morte de fã, promotor quer pena de até 20 anos para cunhado de Ana Hickmann

Por: Agência Amirt 18/12/2017 13:50
Foto Instagram

Foto: Instagram

A justiça vai decidir se o cunhado da apresentadora Ana Hickamann, Gustavo Bello Corrêa, vai a júri popular só no ano que vem.

Nesta segunda-feira (18)  uma audiência de instrução foi feita, agora existe um tempo processual para que defesa e acusação façam as últimas considerações.

Gustavo Bello foi denunciado pelo Ministério Público de Minas Gerais por homicídio doloso por conta da morte de um fã da apresentadora em maio de 2016.

Rodrigo Augusto de Pádua era fã Ana Hickmann e invadiu o hotel que ela estava hospedada no Bairro Belvedere, na região Sul de BH. Na época, o suposto fã havia dito que mataria a apresentadora.

Após a audiência, o cunhado de Ana Hickmann disse que faria tudo novamente, pois estava lutando pela sua vida e de sua família.

A família do fã da apresentadora afirma que Gustavo deve ir a júri popular, pois o fã não iria matar a apresentadora.

Agora cabe a justiça decidir no próximo ano se cunhado da apresentadora vai, ou não, a júri popular.

O promotor do Ministério Público, Francisco de Assis Santiago, quer atuar Gustavo em até 20 anos de prisão.

Anexos para downloads:

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: