Pedro Cine Fotos
Amirt

Secretaria de Saúde emite alerta sobre doença mão-pé-boca

Por: Agência Amirt 13/04/2018 15:30

Síndrome, que pode ser confundida com outras doenças, acomete principalmente crianças menores de 5 anos e causa muito desconforto

20180412104848692056o

(Foto: Reprodução/Internet)

A Secretaria de Saúde emitiu um alerta de cuidados com a síndrome mão-pé-boca. A virose é característica por causar lesões com bolhas nas regiões do corpo que dão nome a doença.

De acordo com a Secretaria, a condição é mais frequente em crianças menores de cinco anos, embora também possa ocorrer em adultos.

O período de incubação do vírus é de 4 a 6 dias. Normalmente, a doença se inicia com febre. Um a dois dias após, aparecem aftas dolorosas na garganta. Depois ocorre o aparecimento de bolhas de cor avermelhada nos pés e nas mãos. Também é comum dores de cabeça e acentuada falta de apetite.

Em geral, o tempo de febre não dura mais do que 7 dias. Porém, as bolhas podem permanecer por até quatro semanas.

A doença é transmissível por meio do contato direto com secreções de via respiratória, como a saliva, e feridas que possam se formar nas mãos e nos pés.  A infecção ocorre também através de alimentos e de objetos contaminados.

As medidas de prevenção incluem questões higiênicas como lavar as mãos frequentemente, limpar e desinfetar sempre superfícies tocadas por itens sujos, como brinquedos, além de evitar contato próximo com pessoas contaminadas com a síndrome. Ainda não existe vacina contra o vírus que transmite a doença.Cl

%d blogueiros gostam disto: