Pedro Cine Fotos
Amirt

Viver sozinho aumenta o risco de morrer por infarto ou de AVC, afirma estudo

Por: Agência Amirt 30/03/2018 10:00

 

Um estudo publicado realizado na Grã-Bretanha, na última terça-feira (27), revelou que viver sozinho ou com poucas pessoas aumenta o risco de morrer por infarto ou de (AVC) acidente vascular cerebral.

A pesquisa recolheu dados de 479 mil pessoas que responderam a um questionário para saber se estavam “socialmente isoladas” ou solitárias.

Pesquisadores finlandeses da revista médica Coração afirmaram que o isolamento social e o sentimento de solidão estão associados a um maior risco de infarto do miocárdio e AVC. Além disso, relataram que esse sentimento parece ser um fator de risco de mortalidade independente após um infarto ou um ACV.

A origem do estudo consistiu em isolar este fator de outros. Logo, viver sozinho se soma a outros riscos para o coração, como estilo de vida pouco saudável, má saúde metal e pobreza.

Vale ressaltar que excluindo os demais riscos, o estudo conclui que a solidão aumenta em 32% o risco de morte por infarto ou AVC.

 

 

 

 

Anexos para downloads:

%d blogueiros gostam disto: