28 Congresso
Vale do Aço

Consumidores vão às compras e estimam orçamento para presentes de Natal

Por: Diário do Aço 24/12/2017 8:32
Pequeno aumento e até deflações em diversos itens estimularam compras neste ano

Mesmo debaixo do forte calor que fez na semana que antecedeu o Natal, as ruas do Centro de Ipatinga estiveram movimentadas. Os consumidores do Vale do Aço foram às compras, mas sem esquecer o orçamento no fim do mês. Neste ano, o valor acumulado da inflação e a pequena alta dos preços nos presentes forçaram o consumidor a gastar um pouco mais em relação ao ano passado, para a compra dos presentes.

Em breve pesquisa, o Diário do Aço identificou que a média do valor por presente será de, aproximadamente R$ 96. Com indicadores econômicos mais positivos, a população sente mais confiança em comprar produtos com maior valor agregado. Contudo, a tradicional brincadeira de “amigo-oculto” continua dividida entre os entrevistados.

Wôlmer Ezequiel

Caroline Lacerda, de 18 anos

A jovem Caroline Lacerda, de 18 anos, afirmou que participará da brincadeira de troca de presentes e que o preço estipulado será de R$ 30. “O preço foi escolhido para todo mundo poder participar, então foi algo mais em conta”, pontua Caroline.

Wôlmer Ezequiel

Iago Gonçalves, de 22 anos

O namorado de Caroline, Iago Gonçalves, de 22 anos, destacou que o presente da namorada tem um valor um bem mais alto, antecipando que gastou R$ 200 com a compra. Em contrapartida, Iago informou que não fará parte de nenhum “amigo-secreto”. “Já fiz a compra do presente e o preço ficou um pouco acima”, comenta Iago.

Wôlmer Ezequiel

Mairane Souza, de 25 anos

Mairane Souza, de 25 anos, informou que comprou diversos presentes, mas que a média de preço para cada um é de R$ 100. A jovem também disse que não vai participar de “amigo-oculto” este ano. “Não somei todos os presentes, mas estou escolhendo os que estão na média dos R$ 100”, destaca Mairane.

Wôlmer Ezequiel

Ismailon Gonçalves, de 23 anos

Ismailon Rodrigues, de 23 anos, afirmou que a média dos presentes deve ficar na casa dos R$ 70. Ele ainda informou que vai participar da brincadeira natalina. “É difícil encontrar presentes mais baratos. Estou comprando uma coisa boa e também quero receber algo bom”, afirma Ismailon.

Wôlmer Ezequiel

Kátia Oliveira, de 25 anos

Para Kátia Oliveira, de 25 anos, o orçamento previsto para o presente do “amigo-secreto” é de R$ 80. “Foi determinado que o valor mínimo dos presentes seria de R$ 50, mas a gente sempre acaba comprando alguma coisa acima deste valor”, destaca.

Wôlmer Ezequiel

Maria de Souza, de 45 anos

Já Maria de Souza, de 45 anos, estipulou o valor de R$ 100 para cada presente. Segundo a consumidora, ela não quis participar da brincadeira desta vez. “Comprei alguns presentes, todos na faixa dos R$ 100, mas “amigo-oculto” não, sempre dá muita confusão”, avalia Maria.

Pesquisa

De acordo com levantamento do Instituto Brasileiro de Economia (Ibre) da Fundação Getúlio Vargas, neste Natal os itens de vestuário tiveram aumento de 0,66%, com destaque para calçados infantis (alta de 5,67%). Já a variação de acessórios do vestuário foi positiva em 3,82%, destacando bijuterias em geral, que subiram 7,07% este ano. O item livros, artigos esportivos e jogos teve alta de 1,09%. Nesse item, a maior variação positiva foi encontrada em jogos para recreação (4,29%), enquanto a maior deflação foi encontrada em bonecas (-3,91%). Alguns artigos eletroeletrônicos e eletrodomésticos, como aparelho celular, forno elétrico e de micro-ondas, apresentaram quedas expressivas de preços (6,57% e 4,16%, respectivamente).



Encontrou um erro? Comunique: falecomoeditor@diariodoaco.com.br