Anuncie
Vale do Aço

Prefeito de Dionísio acatará decisão do TSE

Por: Diário do Aço 30/11/2017 18:32
Arquivo Diário do Aço

O prefeito Farias manifestou-se sobre esse caso e disse que a decisão do TSE pode ser sair nesta sexta-feira (1)

O prefeito de Dionísio, Farias Menezes de Oliveira, o Dr. Farias (PSL), e seu vice, Emídio Bicalho (PP), aguardam decisão do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), acerca do pedido de liminar para suspender a decisão do Tribunal Regional Eleitoral (TRE), que decretou o afastamento dos seus respectivos cargos políticos e cassação dos seus diplomas. Essa determinação foi informada pelo juiz da 251ª Zona Eleitoral de São Domingos do Prata, Fernando Lamego Sleumer, que enviou o ofício ao presidente da Câmara, José Ronaldo Mendonça, na segunda-feira (27), determinando o afastamento do prefeito e vice-prefeito de Dionísio.

Procurado pela reportagem do Diário do Aço nesta quinta-feira (30), o prefeito Farias manifestou-se sobre esse caso e disse que a decisão do TSE pode sair nesta sexta-feira (1). “Ganhamos a eleição de forma limpa. Não houve entrega de lotes como estão falando, isso foi armação. Agora, temos que aguardar a decisão do TSE, mas estamos com boas expectativas. Se a gente conseguir suspender o pedido de afastamento, vamos continuar trabalhando normal. Caso contrário, vamos ter que nos afastar e o presidente da Câmara terá que assumir a gestão do município”, afirmou.

Em uma entrevista feita no início desta semana com o assessor jurídico do prefeito, Wellington Venâncio, foi informado que a defesa do prefeito e vice entrou com o pedido de liminar no TSE na terça-feira (28).



Encontrou um erro? Comunique: falecomoeditor@diariodoaco.com.br