Pedro Cine Fotos
Juiz de Fora e Região

Comerciantes esperam resultado positivo nas vendas de Páscoa

Por: Diário Regional 20/03/2018 20:37

Ainda faltam alguns dias para a chegada da Páscoa, mas os comerciantes já estão preparados e esperançosos, acreditando que neste ano o resultado das vendas será positivo. A reportagem do Diário Regional realizou um levantamento nas principais lojas e supermercados da cidade para descobrir a média de preço praticada em produtos à base de chocolate. A pesquisa levou em consideração os modelos mais simples de ovos, além de caixas de bombons e barras de chocolates das mais variadas marcas.

Ovos simples, sem brindes, que pesam entre 183g e 202g podem ser comprados na faixa de R$30,89 a R$31,48. O mesmo modelo, mas com peso de 300g a 350g, é encontrado com preços de R$42,09 a R$43,33. Caixas de bombons, de 289g a 300g, custam entre R$6,99 e R$7,74, enquanto que as também tradicionais barras de chocolate, de 100g a 135g, variam de R$3,18 a R$5,15.

De acordo com o presidente do Sindicato do Comércio de Juiz de Fora (Sindicomércio-JF), Emerson Beloti, após um longo período de crise, a expectativa dos lojistas é que as vendas sejam maiores do que as do ano passado. “Os empresários já não estipulam porcentagem de aumento. Ele espera sempre vender mais que o ano anterior. Evidentemente que ele vai ter que inovar dentro do estabelecimento e nas vitrines para conquistar mais clientes. Apesar de todas as dificuldades enfrentadas nos últimos anos, a Páscoa pode ser um bom momento para elevar as vendas”, afirmou.

Lúcia Rocha Barbosa é franqueada da Cacau Show, com uma loja no Mister Shopping, e revelou, que neste ano, está trazendo novidades para o período. “São inovações para vários públicos. Na linha infantil, na de sobremesa, gourmet, diet, restritiva, convencional, entre outras. Tem também o ovo de 2,8Kg, comercializado a R$269,90. É um presente para toda a família”.

Ela espera crescimento de 3% a 5% nas vendas, mas, para isso, aposta em algumas estratégias para captar clientes. “Estamos com uma promoção de que a cada R$65 em compras, o cliente concorrerá ao sorteio de um ovo de 6kg”, reforçou Lúcia.

 

MERCADO INFORMAL GANHA ESPAÇO

Segundo o presidente do Sindicomércio-JF, o mercado informal teve grande crescimento nos últimos anos e vem ganhando espaço, quando o assunto é a Páscoa. Há pouco mais de um ano, a confeiteira Evelise de Castro, transformou a sua residência no local de trabalho.

Para esta Páscoa, ela espera vender cerca de 300 ovos – do tamanho pequeno ao grande – e arrecadar entre R$0 mil a R$15 mil. A criatividade, conforme Evelise, é o ponto de equilíbrio para conquistar a clientela. “Eu trabalho com chocolate belga para fazer a casca do ovo. Os meus recheios são cremosos, saborosos e nada enjoativos. O cliente come um ovo grande de meio quilo e não fica entediado”, afirmou.

Os ovos de Evelise custam entre R$38 e R$68. Para os clientes que encomendaram com antecedência, a confeiteira ofereceu 10% de desconto e, agora, há poucos dias para a Páscoa, os compradores podem parcelar o valor em até três vezes no cartão, estratégia, que, segundo ela, foi implantada para concorrer com as grandes marcas. “Os clientes ainda não sabem, mas, futuramente, terão a chance de participar de um sorteio”, acrescentou.

Evelise ainda ressaltou que a compra do ovo artesanal pode ser mais vantajosa que a dos convencionais, encontrados nas lojas. “Os ovos encontrados nos supermercados, geralmente, são confeccionados com duas cascas finas de chocolate, um bombom ou brinde dentro e a embalagem, e pesa cerca de 380g. Somente a casca do ovo que vendo pesa 137g. Com o recheio, vai para 500g. Então, qual que vale à pena comprar?”, questionou.

Postado originalmente por: Diario Regional – Juiz de Fora

%d blogueiros gostam disto: