Pedro Cine Fotos
Juiz de Fora e Região

Livro infantojuvenil chama atenção para a necessidade de preservação do meio ambiente

Por: Diário Regional 10/09/2017 6:37

A preocupação com o meio ambiente e o interesse de Rodrigo Marocolo Chartouni, de 11 anos, em deixar tudo limpo dentro de casa deram origem ao livro infantojuvenil “As Aventuras do Super Limpinho”. O lançamento vai acontecer a partir do dia 7 de outubro. Porém, Alcione Marocolo, co-autora da obra e mãe do Super Limpinho (Rodrigo), está em busca de patrocinadores para que o lançamento e distribuição gratuita do livro possam ser feitos em escolas da rede pública de ensino. Empresas interessadas em financiar a iniciativa podem entrar em contato pelo telefone/WhatsApp (32) 98811-9991.

“Este livro traz um herói que as crianças precisam, pois os desenhos infantis atuais, muitas vezes, não passam uma mensagem positiva. O lançamento da publicação em escolas públicas tem caráter social. Trata-se de democratizar o acesso à leitura. Para a ação de lançamento, incluindo as escolas, teremos a presença do personagem, oficina de reciclagem e contação de histórias”, explica Alcione, que, além de escritora, já atuou como bailarina, apresentadora de TV e radialista em Juiz de Fora.

A publicação conta a história do personagem Dindigo, um menino estudioso e comportado que pensou numa maneira de “limpar o mundo”. O personagem começa a perceber que Limpópolis, que no passado já foi a cidade mais limpa do mundo, estava muito suja atualmente. Então, o Super Limpinho surge pra preservar e cuidar da cidade onde seu irmão vai nascer. “Foi a durante a gravidez do Lucas, meu filho mais novo, que o livro começou a tomar forma. Desde então, os nomes dos personagens foram inspirados em várias pessoas da família”, conta Alcione.

O autor mirim destaca que as preocupações com a limpeza e o meio ambiente sempre foram estimuladas dentro de casa. “Foi algo que aprendi a gostar com a minha mãe. Quando tive a ideia de escrever o livro, eu estava estudando ecologia no colégio. Ali eu percebi ainda mais o quanto o assunto me interessava. Se cada um fizer a sua parte, teremos um mundo melhor. Essa é a principal mensagem do livro”, destaca Rodrigo.

As armas utilizadas pelo herói para salvar a cidade fictícia e, sobretudo, dar o exemplo para outras crianças foram as pastilhas que fazem espuma mágica, o spray anti-sujeira, arco e flecha espana-espana e uma substância paralisadora – o “deter-gente”. Do outro lado da história, três vilões tramavam um plano para poluir por completo as águas do rio da sua cidade. Então, o Super Limpinho, com a ajuda das suas avós, arquitetou uma solução para resolver o problema e prender os vilões.

Postado originalmente por: Diario Regional – Juiz de Fora

%d blogueiros gostam disto: