Anuncie
Juiz de Fora e Região

Novembro Azul alertar para a prevenção do câncer de próstata através do diagnóstico precoce

Por: Diário Regional 05/11/2017 6:37

Do rosa para o azul. O “Outubro Rosa” se encerra com muitas atividades preventivas realizadas entre as mulheres e o “Novembro Azul” deve seguir com ações voltadas para os homens. Celebrado anualmente, o movimento é marcado pelo combate ao câncer de próstata por meio do incentivo à realização periódica de exames em busca do diagnóstico precoce.

A doença é a segunda mais comum entre os homens. Dados do Ministério da Saúde (MS) mostram que a cada 36 minutos, o câncer de próstata faz uma vítima no país. Somente em 2015, mais de 14 mil homens morreram em decorrência da doença. “É uma doença com números expressivos. Por isso a importância do diagnóstico precoce, que melhora o tratamento e diminui as complicações ocasionadas por ele. O grande temor do homem em relação à próstata é a incontinência, disfunção erétil, mas hoje existem várias formas menos agressivas de tratar a doença, visando minimizar o trauma da cirurgia”, lembra o presidente da Sociedade Brasileira de Urologia em Minas Gerais (SBU-MG), Pedro Romanelli.

Informações divulgadas pela SBU indicam que 20% dos pacientes são diagnosticados em estágios avançados da doença, o que faz com que a taxa de mortalidade chegue a 25%. Romanelli reforça que o descuido com a saúde é o principal motivo para os óbitos. “Tradicionalmente, os homens cuidam pouco da saúde. Eles têm uma expectativa de vida abaixo das mulheres por inúmeros motivos, mas um deles é o descuido com a saúde. Em alguns casos, eles são levados pela própria parceira para realizar os exames. Embora nos últimos anos percebemos que isso tem melhorado e os homens estão se cuidando mais, mudando a alimentação, praticando atividades físicas, que são fatores que podem auxiliar na prevenção do câncer”, afirma. O preconceito ao exame de toque retal também é uma das causas que eleva as taxas de mortalidade. “O preconceito ainda existe, porém aos poucos se tem melhorado e os homens estão se cuidando como um todo”, acrescenta Romanelli.

As formas de prevenir o câncer de próstata passam pelos exames de toque, pelos quais cerca de 20% dos pacientes têm a doença diagnosticada, e o de sangue, que é o PSA (antígeno prostático específico), que avalia a quantidade de proteína produzida pela próstata.

De acordo com a SBU, homens negros têm até 60% mais chances de ter a doença. “A indicação é que os homens procurem um médico especializado para monitorar sua saúde e detectar a doença a partir dos 50 anos. Negros ou aqueles com parentes em primeiro grau com câncer de próstata devem começar aos 45 anos”, reforça o presidente da SBU-MG.

 

AÇÕES DE PREVENÇÃO

Durante o Novembro Azul, estão previstas palestras e eventos em locais públicos, seminários no Congresso Nacional e divulgação de informação na imprensa e nas redes sociais. Cabe ressaltar que os exames estão disponíveis em toda a rede pública de saúde, no decorrer do ano todo. Para consultar, basta comparecer até a unidade de saúde mais próxima.

Postado originalmente por: Diario Regional – Juiz de Fora

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: