Pedro Cine Fotos
Juiz de Fora e Região

Personalidades recebem “Medalha Itamar Franco”

Por: Diário Regional 29/06/2017 6:37

O Museu de Arte Murilo Mendes (Mamm) foi palco nessa quarta-feira, 28, da entrega da Medalha Itamar Franco. A honraria foi instituída em abril de 2016 e tem como objetivo homenagear até cinco personalidades e instituições que são consideradas referência de excelência nos trabalhos prestados à sociedade.

O evento agraciou a Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF) e personalidades como Dom Mauro Morelli, ex-presidente do Conselho Nacional de Segurança Alimentar e Nutricional nos estados de Minas Gerais e São Paulo; Saulo Pinto Moreira, ex-prefeito de Juiz de Fora; Murílio Hingel, ex-diretor do Colégio de Aplicação João XXIII e ex-ministro da Educação do governo Itamar Franco); e Zico, ex-jogador de futebol.

O presidente do Instituto Itamar Franco, Marcello Lignani Siqueira, ressaltou que a escolha dos homenageados foi feita por meio de um conselho formado por oito pessoas. “Cada conselheiro sugeriu um nome. No caso de pessoa física, nós avaliamos as trajetórias pessoal e profissional dos indicados para selecionar por meio de uma votação. Em relação às instituições indicadas, avaliamos a contribuição social das mesmas no meio onde elas atuam”, explicou o presidente.

O ex-jogador de futebol Zico disse que sempre foi muito bem recebido pela cidade e destacou sua satisfação em receber uma homenagem que leva o nome de Itamar Franco. “Ele foi uma pessoa que nos honrou muito. Atualmente estamos tendo muitas dificuldades com os políticos. Lembro-me muito dele, com quem tive a oportunidade de conviver e ter bons momentos. Eu Aprendi a respeitá-lo. A minha ligação com a cidade é muito forte, pois foi aqui que fiz a minha despedida como jogador de futebol profissional”, avaliou.

O bispo Dom Mauro Morelli foi um dos homenageados escolhidos por sua trajetória no Conselho Nacional de Segurança Alimentar e Nutricional (Consea) nos estados de Minas Gerais e São Paulo. Em fevereiro de 1993, lideranças do Partido dos Trabalhadores (PT) apresentaram ao presidente Itamar Franco a solicitação de uma política de segurança alimentar que fosse desenvolvida a partir da criação de um conselho nacional. Dois meses mais tarde, o Consea foi instituído em abril de 1993. O presidente indicado foi Dom Mauro Morelli. Sua atribuição era propor medidas de combate à fome e de promoção da Segurança Alimentar e Nutricional (SAN) no país.

“De alguma forma, mantemos viva a memória do Itamar e seu legado. Foi muito importante a parceria feita com ele em 1993 com a instalação da primeira constitucional de segurança alimentar. Sinto-me muito honrado por receber essa medalha e por saber que fiz parte de um processo importante de mudança no país”, observou Dom Mauro Morelli.

Postado originalmente por: Diario Regional – Juiz de Fora

%d blogueiros gostam disto: