Usuários do SUS contam com espaço revitalizado para Transplante de Medula Óssea no HU-UFJF

A Rede do Sistema Único de Saúde (SUS) tem à disposição um novo espaço para a realização de transplantes de medula óssea. Trata-se da enfermaria da Unidade de Hematologia e Oncologia do Hospital Universitário da UFJF (HU-UFJF/EBSERH), que foi completamente reformada e passa a contar com cinco leitos em operação. Foram investidos R$ 325 mil em obras de infraestrutura e compra de equipamentos – sendo, desse total, R$ 285 mil destinados pelo Ministério Público do Trabalho (MPT).

Além das reformas estruturais, as intervenções contemplaram a instalação de um novo equipamento de climatização e filtragem do ar, com tecnologia específica para o ambiente hospitalar; aquisição de máquina de aférese [separadora dos componentes do sangue]; compra de medicamentos e outros equipamentos para o serviço de Transplante de Medula Óssea. “Essa intervenção é muito importante para os usuários, pois somos o único hospital público da região que realiza esse tipo de transplante. Por isso, há uma demanda assistencial muito grande”, ressalta o superintendente do HU-UFJF/EBSERH, Dimas Araújo.

O médico e responsável técnico pela área de Hematologia Clínica, Abrahão Hallack, salienta que a instituição desempenha um papel importante para o atendimento aos usuários do SUS. “O HU, hoje, tem condições de usar de maneira plena essa enfermaria, oferecendo tratamento para pessoas que vêm de toda a região, inclusive de outros estados”.

 

Benefícios à população

A nova máquina de aférese substituirá o equipamento utilizado pelo hospital para a coleta de células tronco. De acordo com o enfermeiro oncológico do setor, Victor Pereira, o equipamento já é usado em grandes centros, como São Paulo, e em países como Alemanha e Espanha. “A nova máquina possui um sistema mais automatizado, tornando o processo mais dinâmico e eficiente”, além de proporcionar maior segurança ao paciente nas etapas do transplante.

Desde o credenciamento para a realização de transplantes de medula óssea, em outubro de 2013, foram realizados mais de 350 procedimentos no Hospital Universitário. Em 2018, houve 33 transplantes, um número recorde. Com a reforma e os novos equipamentos, o setor poderá ampliar seus atendimentos, reforça o analista administrativo do HU-UFJF/EBSERH, Igor de Brito Andrade.

 

Sobre a Rede Hospitalar Ebserh

​            Desde novembro de 2014, o HU-UFJF faz parte da Rede Ebserh. Vinculada ao Ministério da Educação (MEC), a Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh) foi criada em 2011 e, atualmente, administra 40 hospitais universitários federais, apoiando e impulsionando suas atividades por meio de uma gestão de excelência.

Como hospitais ligados a universidades federais, essas unidades têm características específicas: atendem pacientes do Sistema Único de Saúde (SUS), e, principalmente, apoiam a formação de profissionais de saúde e o desenvolvimento de pesquisas. Devido a essa natureza educacional, os hospitais universitários são campos de formação de profissionais de saúde. Com isso, a Rede Hospitalar Ebserh atua de forma complementar ao SUS, não sendo responsável pela totalidade dos atendimentos de saúde do país.

Fonte: HU-UFJF

Postado originalmente por: Diario Regional – Juiz de Fora

Um comentário em “Usuários do SUS contam com espaço revitalizado para Transplante de Medula Óssea no HU-UFJF

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

WP2FB Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: