Anuncie
São João del Rei e Região

Escolas de Samba terão novos dias para desfilar

Por: Gazeta de São João del Rei 26/08/2017 0:03

Os desfiles de escolas de samba terão novo formato em São João del-Rei a partir de 2018. Daqui a seis meses, seis agremiações descerão a Avenida Presidente Tancredo Neves com nova agenda que, agora, abrange duas apresentações oficiais em cada uma das três noites de festa, transfere apurações para a Quarta-Feira de Cinzas e elimina o Desfile das Campeãs do calendário.

Bate Paus foi a campeã do Carnaval 2017 - Foto: Alessandro Carvalho / Divulgação

Bate Paus foi a campeã do Carnaval 2017 – Foto: Alessandro Carvalho / Divulgação

A decisão foi tomada pela Associação das Escolas de Samba, Blocos e Ranchos (Aesbra) no início de agosto e oficializada nesta semana. De acordo com o presidente do grupo, Thiago Bracarense, a redistribuição das escolas visa tanto o conforto e a praticidade dos competidores quando maiores possibilidades de reorganização caso imprevistos, como chuvas, causem atrasos. “Há também uma preocupação com o público, que passa a contar com mais dias de grandes espetáculos e, em cada um deles, pode voltar para casa mais cedo, descansar. Sem longas horas de apresentações, às vezes cansativas, eles apreciam melhor o que está sendo mostrado também”, diz.

Nova calendário
Até 2017, três escolas de samba desfilavam por noite sob a avaliação de jurados e se somavam, ainda, a um grupo especial como a Escola Mirim Unidos da Lata e a Mocidade Independente de Santo Antônio, que não competem. Com isso, o cronograma previa pelo menos quatro horas de evento no sábado e no domingo. Na segunda-feira, ou seja, ainda durante a Festa Momesca, havia o anúncio das vencedoras durante o dia e blocos caricatos durante a noite. A terça era reservada para o Desfile das Campeãs.

Essa dinâmica mudou. De acordo com Bracarense, em fevereiro de 2018 duas escolas competidoras descerão a Presidente Tancredo Neves por noite antecedidas por um espetáculo sem pontuação. Com isso, a agenda se distribui de sábado a segunda-feira. Enquanto isso, na terça, será a vez de grupos como o Bloco Típico Os Caveiras ganharem os holofotes.
Só na quarta-feira pela manhã, pós-Carnaval, a Aesbra abrirá envelopes com as notas das escolas competidores e fará a apuração que definirá a comunidade campeã. Sem desfile posterior.

Repasses e turismo
Todos os anos, mais de 80 mil foliões passam pelas ruas históricas de São João del-Rei durante o Carnaval e movimentam aproximadamente R$7 milhões na economia atraídos tanto pelos mais de 50 blocos locais quanto pelas próprias escolas de samba, que recebem subvenção anual da Prefeitura.
De acordo com Bracarense, o repasse das verbas ainda não tem previsão de acontecer. “Já estamos nos reunindo com a Secretaria Municipal de Cultura para discutir a estrutura da festa ano que vem, bem como questões financeiras. Mas nada definido”, pontuou.
Neste ano, o Executivo destinou R$360 mil para a Aesbra em fevereiro.

Postado originalmente por: Gazeta de São João del Rei

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: