Pedro Cine Fotos
Divinópolis e Região

Polícia procura supostos turistas de Divinópolis que gravaram vídeo cometendo crime no Mato Grosso

Por: Portal MPA 14/09/2017 15:00

A Polícia Militar Ambiental já identificou o pescador que aparece em vídeo puxando uma cobra sucuri de dentro da água, à beira do rio Paraguai. A equipe da PMA de Corumbá vai sair em busca que gravou o vídeo para autuar o homem por maus-tratos a animais silvestres.

Os policiais militares vão vasculhar as pousadas de Albuquerque, distrito da Cidade Branca, onde o grupo estaria hospedado.

A pena para esse crime varia de três meses a um ano de detenção e mais multa de R$ 500,00 a R$ 3 mil. “Se ele já tiver ido embora, será enviada uma carta para autuá-lo. Caso ele não seja encontrado, será autuado por edital [por Diário Oficial] e assim passará a responder pelo crime de maus-tratos”, explicou o capitão Diego da Silva Ferreira.

As pessoas que estavam gravando o vídeo também podem ser penalizadas, por terem sido cúmplices e podem ser multadas, se identificadas, em no mínimo R$ 5 mil, ainda segundo o capitão.

O caso – O vídeo do homem puxando a cobra circula em grupos ligados ao setor de turismo de Mato Grosso do Sul e mostra um grupo de turistas, que seria de Divinópolis. O jornal Campo Grande News que recebeu a denúncia de uma pessoa que pediu para ter a identidade preservada.
Conforme explicou o denunciante, o grupo de pesca esportiva teria viajado à região acompanhado de uma programa deste seguimento.

No vídeo é possível ver um dos homens puxando a cobra, que tenta voltar para a água a todo momento. Os homens riem e fazem piadas. Veja:

Ainda segundo o denunciante, a cenas foram gravadas na semana passada. A PMA ainda não tinha tido acesso às imagens na tarde desta quarta-feira (13) quando a reportagem enviou o vídeo e as investigações começaram.

 
 

Postado originalmente por: Portal MPA

%d blogueiros gostam disto: