Anuncie
Caratinga e Região

Caratinga está novamente em estado de calamidade pública na Saúde

Por: Rádio Cidade - Caratinga 21/08/2017 18:07

Caratinga está sob decreto de calamidade na área da Saúde devido à grave crise estrutural e financeira do município e da microrregião, segundo argumentou o prefeito Welington Moreira. A partir deste decreto, já publicado no Diário Oficial da União, a administração pública municipal pode contratar bens e serviços de forma direta para evitar que a população fique desassistida.

Prefeito Wellington Moreira

A prefeitura também pretende colocar a UPA (Unidade de Pronto Atendimento) em funcionamento nas próximas semanas. A medida é considerada urgente, depois do fim do convênio do município com o Casu-Unec para atendimento de Pronto Socorro. O Casu prestará assistência aos moradores de Caratinga somente até 14 de setembro.

O secretário municipal de Saúde, Wagner Barbalho, deverá constituir uma força tarefa para atuar neste momento de crise. A equipe deverá rever e renegociar contratos para restabelecer os serviços essenciais a Caratinga e à microrregião. Para isso, também conta com o apoio ao Governo de Minas e Federal durante o período de calamidade que pode se estender por até 180 dias.

Na última sexta-feira (21) o secretário, recém-nomeado para a função, afirmou que a população de Caratinga pode ficar despreocupada quanto à cobertura de Pronto de Socorro


Esta é a segunda vez que Caratinga decreta estado de calamidade na saúde pública recentemente. Em agosto de 2016 o então prefeito Marco Antônio Junqueira também adotou a medida por 90 dias por causa da crise financeira do Hospital Nossa Senhora Auxiliadora.

Postado originalmente por: Rádio Cidade – Caratinga / MG

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: