Pedro Cine Fotos
Divinópolis e Região

Costas sai na frente rumo a final da Copa Rural 2017

Por: Rádio Minas 13/09/2017 7:40

 

Foram jogadas no domingo (10) as partidas de ida da semifinal 32ª Copa Rural de Divinópolis. Na comunidade do Choro, a equipe dos Costas venceu por 1×0 e leva uma grande vantagem para o jogo de volta. Já em Quilombo, a equipe da casa recebeu o Pedregal e não houve gols.

Os jogos de volta estão marcados para o próximo domingo, ás 15h sendo nos Costas entre o time local e Choro. Já em Santo Antônio dos Campos jogam Pedregal e Quilombo. Desfalque certo é Kaique do Choro, pois ele está suspenso pelo cartão vermelho recebido no último domingo.

No Quilombo, as duas equipes jogaram muito bem, cada uma a sua maneira. O Pedregal iniciou o jogo tocando a bola, colocando no chão e rodando. Aos poucos foi abandonando essa prática e terminou tentando lançamentos. As modificações na equipe, especialmente as saídas de Joel Poeta e Vinícius deu uma perda de toque de bola. Embora a tentativa fosse muito boa, colocando dois homens de referência na área, no caso Ticreusa e Gamela.

O Quilombo jogando em casa, conhecendo as dificuldades do terreno e optando em jogar pelas pontas, também criou ótimas oportunidades de gols, mas não conseguiu concretizar. A troca de posições entre Xoro e Leozinho faz confundir a marcação, faltou a conclusão final a gol.

Para o atleta Tourinho, da equipe do Pedregal, jogando em Ermida a partida será diferente e o time vai partir para vencer no tempo normal, a meta é se classificar sem depender das cobranças de pênaltis. “Com certeza lá vai ser diferente porque o campo maior, com mais espaço, nós colocando a bola no chão, ela roda melhor e nosso time se time tem qualidade de chegar, hoje o jogo foi difícil e o gol não saiu. Foi um pouco de ansiedade e virou desespero pelo gol não sair, vamos para ganhar o jogo e sair de lá classificados para a final”, disse.

Já o treinador da equipe do Choro, Anderson Coelho lamentou a derrota e também Kaique Júnio, na opinião deles foram prejudicados pela arbitragem na não marcação de um pênalti sobre Kaique. Para o jogo de volta, a equipe do Choro tem de vencer no tempo normal para tentar a vitória nas cobranças de pênaltis.

A artilharia da Copa Rural continua na mesma, Vinícius Paulo do Córrego Falso e Diego Doidera do Cacôco de Baixo tem seis gols cada. Joel Poeta do Pedregal não marcou e continua com quatro gols na competição.

O goleiro menos vazado é Anderson que defende os Costas, levou cinco gols uma média 0,8 por partida. Ilton da Cachoeirinha levou seis, média de 1,2 e Zé Carlos do Choro levou sete, média de 1,75.
A expulsão de Kaique do Choro manteve a média de cartões vermelhos, sendo de 0,50 na rodada e 0,42 na competição. Já os gols, caíram para 0,50 na rodada e baixou do campeonato para 3,31.

Postado originalmente por: Minas AM/FM

%d blogueiros gostam disto: