Anuncie
Muriaé e Região

PM, Demuttran e escolas se reúnem para tratar do trânsito na porta das instituições de ensino

Por: Rádio Muriaé 13/02/2019 18:48
PM, Demuttran e escolas se reúnem para tratar do trânsito na porta das instituições de ensino
A reunião se deu no 47º Batalhão da PM, nesta quarta-feira (13)

Conforme a Rádio Muriaé adiantou na edição de segunda-feira (11) do programa “Plantão de Polícia”, que teve a participação do subcomandante do 47º Batalhão da Polícia Militar (47º BPM), major Vitor, foi realizada na sede do Batalhão, uma reunião entre a PM e representantes do Departamento Municipal de Transporte e Trânsito (Demuttran) e da direção dos Colégios Santa Marcelina, Equipe e Escola São Paulo. O encontro se deu nesta quarta-feira (13) e a pauta o trânsito na porta das escolas, onde corriqueiramente são praticadas diversas infrações durante embarque e desembarque de alunos que geram muitos transtornos e chegam a travar o fluxo.

Também estiveram presentes, o comandante da 76ª Companhia da PM, Capitão André Carvalho, o comandante da 97ª Cia PM, Tenente Mello, responsável pelo policiamento na cidade e sargentos Barreto e Eli, que atuam na Patrulha de Trânsito.

Confira informações oficiais divulgadas pela assessoria de comunicação organizacional (P5) do 47º BPM sobre a reunião

Preocupados com esta situação o 47º BPM, através do Subcomandante Major Vitor e o Demuttran, através de seu diretor geral, Ivanir Pimentel convocaram os diretores das escolas localizadas no centro da cidade de Muriaé para definirem medidas que serão adotas em parceria com as escolas para minimizar os problemas naquela região.

O Major Vitor iniciou a sua fala esclarecendo sobre a necessidade de um trabalho integrado para que as ações seja exitosas: “Não adianta um esforço unitário de qualquer setor, temos que nos unir para que, dentro da esfera de competência e das habilidades técnicas de cada setor sejam direcionados os esforços para a resolução dos problemas. A Policia Militar cabe a fiscalização, sendo certo que as escolas podem ter um papel fundamental a partir da educação da comunidade escolar, para o uso adequado da via, cabendo do Demuttran a devida sinalização e intervenções estruturais na via.”

O diretor do Colégio São Paulo, José Nicodemos Couto endossou as palavras do Major Vitor e se comprometeu a ser um grande parceiro nessa iniciativa : “Tenho uma história de participação ativa em muitas ações que visam a melhoria da qualidade de vida na cidade que escolhi para viver e educar meus filhos. A escola São Paulo abraça a ideia e irá trabalhar junto aos alunos e a seus pais para que possamos sim, dar um exemplo de uso racional e adequado e algo que pertence a todos que é o uso das vias. Vamos levar aos pais e alunos a conscientização de que a mudança depende de nós. Precisamos sim fazer algo concreto a respeito e vamos fazer”.

Na oportunidade todos puderam se manifestar e apresentar proposta de ações que visem à solução definitiva do problema. “Temos que ser cirúrgicos e atacarmos pontualmente o problema. Estamos fazendo as devidas intervenções no trânsito, adequando os espaços para embarque e desembarque dos alunos. Com o envolvimento de toda a comunidade o problema tem grandes possibilidades de ser resolvido. Nosso departamento está trabalhando firme para que esse problema nos horários de entrada e saída de alunos nas escolas do município sejam resolvidos, não só nas escolas cujo diretores estão nessa reunião, mas sim em todos”, afirmou o diretor geral do Demuttran, Ivanir Pimentel.

A diretora do Colégio Santa Marcelina, Irmã Carmen, entende a necessidade de participar ativamente dessa ação e assim vamos fazer. “Iremos trabalhar a educação do trânsito em nossa escola de maneira interdisciplinar. Nossos educadores serão orientados nesse sentido. Iremos também levar aos pais a conscientização de que o uso das vias deve ser feito com obediência as normas. Todo mundo ganha com isso”, disse.

O Colégio Equipe foi representado na reunião pelo advogado Cléber, que em nome da instituição se comprometeu a participar das ações e que o colégio se manifestará através de nota.

As ações decididas na reunião serão implementadas imediatamente e a expectativa é de que nos próximos dias a população já comece a sentir os benefícios do que será feito.

Colégio Equipe

O colégio emitiu nota assinada pelo seu diretor, Magno Antônio Perim, e pelo assessor jurídico da instituição, João Cleber da Silva. Confira abaixo a íntegra do documento.

Ilmo. Sr.

Subcomandante do 47º Batalhão da Polícia Militar de Minas Gerais

Major Vitor

De antemão, agradecemos a acolhida pela equipe de assessoria de comunicação do 47º Batalhão da Polícia Militar de Minas Gerais, e dos demais que participaram da reunião profícua em busca de soluções de trânsito no horário escolar.

O Colégio Equipe de Muriaé, reconhece a necessidade de medidas conjunta com as repartições públicas no intento de otimizar o fluxo de veículos em horários de pico escolar, que compreendem, precisamente, das 11:50 hs às 12:20 hs, e das 16:50 hs às 17:20 hs.

Considerando as ponderações do Ilustre Subcomandante do 47º BPMMG – Major Vitor, e do Diretor do DEMUTRAN – Capitão Pimentel, sobre a importância da educação de trânsito para que seja mantida a paz e a segurança entre condutores e pedestres e consequentemente sua fluidez, nós, do Colégio Equipe de Muriaé, enquanto instituição de ensino, cumpriremos com o papel de agente educador por meio da orientação e da conscientização dos alunos, pais e/ou responsáveis sobre a imprescindibilidade de adoção de ações que visem o cumprimento da legislação de trânsito.

Oportunamente, tecemos de votos de estima e distinta consideração ao 47º BPMMG.

Atenciosamente,

Colégio Equipe de Muriaé

 

Fonte : Rádio Muriaé / 47º BPM

Postado originalmente por: Rádio Muriaé

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: