28 Congresso
Muriaé e Região

Prefeitura esclarece que atual gestão já repassou R$ 4,38 milhões para o Pronto Socorro do HSP

Por: Rádio Muriaé 20/03/2018 16:48
Prefeitura esclarece que atual gestão já repassou R$ 4,38 milhões para o Pronto Socorro do HSP
Atualmente a administração repassa R$ 340 mil mensais à instituição

Nos últimos dias tem circulado nas redes sociais reclamações quanto ao atendimento prestado no Pronto Socorro do Hospital São Paulo (HSP). Na tarde desta terça-feira (20), por meio de comunicado divulgado por sua assessoria de cominação, a prefeitura de Muriaé argumenta que aumentou em mais de 60% – na comparação com a administração anterior – os repasses mensais destinados aos atendimentos de urgência e emergência prestados pelo HSP, somando R$ 4,38 milhões ao longo de 14 meses de gestão da atual administração municipal.

O assunto, inclusive, foi um dos destaques de entrevista desta terça (20), na Rádio Muriaé, com a participação do prefeito Grego, do secretário Municipal de Saúde, Paulo César de Oliveira, e do secretário adjunto da pasta, Wescley de Souza.

Na ocasião, Paulo César lembrou que a administração passada fazia o repasse mensal de R$ 208 mil ao hospital para auxiliar no custeio do Pronto Socorro, e que a subvenção foi reajustada para R$ 340 mil ao mês, ressaltando que o valor é maior que o montante solicitado pelo próprio HSP.

O secretário destacou que “em contrapartida, cabe ao Hospital São Paulo manter, presencialmente, plantonista de Pediatria 24 horas, plantonista de Clínica Médica 24 horas, plantonista de cirurgia 24 horas e toda a que é retaguarda relativa à rede de urgência e emergência”.

Conforme o comunicado da Ascom da prefeitura, quando da assinatura do termo de colaboração entre os parceiros, ficou definido o envio de relatório técnico de monitoramento e avaliação: “Estamos repassando um valor maior que o originalmente solicitado pelo hospital. Agora, a verba precisa ser aplicada de forma adequada ao bom funcionamento do Pronto Socorro. Cumprimos a nossa parte. Esperamos que o HSP mantenha, permanentemente, a fiscalização do setor, para o bom funcionamento dos serviços oferecidos”, relatou o secretário Adjunto de Saúde, Wescley de Souza.

A administração afirmar ainda que a “transferência de recursos da Prefeitura para o HSP serve para custear a manutenção e funcionamento do Pronto Socorro, os pagamentos dos plantonistas, a aquisição de insumos como medicamos e material hospitalar, a oferta de médicos clínicos, pediatras, cirurgião-geral, traumato-ortopedista, gineco-obstetra, anestesista, enfermeiros e equipe de técnicos auxiliares de enfermagem, além de plantão médico da especialidade neurológica, entre outros.”.

UPA da Barra

A prefeitura ressalta que vem trabalhando para colocar a UPA da Barra em condições de atendimento o mais rápido possível. O prefeito Grego tem feito viagens à Brasília e à Belo Horizonte visando articular com os governos federal e estadual o funcionamento da unidade, que absorveria grande parte da demanda de urgência e emergência. O imóvel foi construído em administrações passadas, porém, nunca foi utilizado.

 

Texto: Rádio Muriaé, com informações da Ascom da prefeitura de Muriaé – reprodução na íntegra ou parcial do conteúdo (texto e imagem) permitida somente mediante crédito.

 

Fonte : Radio Muriaé / Ascom prefeitura de Muriaé

Postado originalmente por: Rádio Muriaé

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: