Pedro Cine Fotos
Juiz de Fora e Região

Umidade chega a 33% às vésperas de onda de frio

Por: Tribuna de Minas 30/06/2017 17:58

Fernando Priamo

 

A umidade relativa do ar atingiu o menor índice em Juiz de Fora desde setembro do ano passado, com 33% por volta das 16h desta sexta-feira (30), quase atingindo o estado de atenção, preconizado abaixo dos 30%. A situação é causada pela massa de ar seco que age na região Sudeste do país, afastando a nebulosidade e favorecendo à amplitude térmica, ou seja, diferença considerável entre mínima e máxima no intervalo de 24 horas. Esta condição, porém, deve mudar neste sábado (1º de julho), por causa da atuação de uma frente fria sobre o oceano.

De acordo com o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), a frente fria traz nuvens e possibilidade de chuvas fracas em áreas isoladas para parte de Minas Gerais, incluindo a Zona da Mata. A instabilidade, porém, é passageira, e o domingo (2) deve voltar a ser de tempo seco, céu claro e temperaturas em declínio.

Aviso meteorológico divulgado pelo Inmet, no fim da tarde desta sexta, alerta para uma onda de frio que ganha força na região após a passagem da frente. Ela é resultado da ação de uma massa de ar polar, que deverá agir em cidades da Zona da Mata, Campo das Vertentes e Sul de Minas, com ápice esperado na segunda-feira (3).

Para ter ideia da intensidade desta onda, o Centro de Previsão do Tempo e Estudos Climáticos (Cptec) prevê temperaturas entre 11 e 20 graus até o domingo. Já na segunda-feira, a mínima pode declinar até 7 graus, com máxima de 15. Depois, gradativamente, os termômetros deverão registrar índices em elevação, embora ainda frio. Na terça (4), por exemplo, a oscilação deverá ficar entre 8 e 18 graus, com estimativa de mínima de 9 e máxima de 19 graus na próxima quarta-feira (5).

Postado originalmente por: Tribuna de Minas – Juiz de Fora / MG

%d blogueiros gostam disto: