Pedro Cine Fotos
Divinópolis e Região

Ministério Público convoca órgãos ligados ao meio ambiente para discutir a destinação dos resíduos sólidos em Divinópolis

Por: TV Candidés 06/12/2017 19:18

Membros da prefeitura, Ministério Público, SUPRAM, Via Solo e moradores do Quilombo, participaram hoje de uma reunião para tentar resolver o problema do aterro sanitário de Divinópolis. 

Desde o segundo semestre deste ano, o processo foi encaminhado para FEAM e não mais a SUPRAM. Todos os documentos, licenciamentos, ficaram de responsabilidade da empresa que ainda não há prazo para que ocorra. 

Como a prefeitura não concorda com a implantação do aterro próximo ao Quilombo, eles analisam a possibilidade de inserção do município EMUM Consórcio, com mais de 30 cidade para a construção de um novo aterro. Porém, ainda não há data, local e valor para tal investimento. 

De acordo com o promotor, essa responsabilidade é do município se se o aterro no Quilombo não foi autorizado, a Prefeitura precisa urgentemente resolver o problema. 

A empresa Via Solo disse que todos os documentos já foram encaminhados para a SUPRAM e que a construção do aterro fica há mais de um quilômetro da comunidade do quilombo. Eles estavam presentes e não quiseram gravar entrevista. 

Postado originalmente por: TV Candides

%d blogueiros gostam disto: