Polícia Civil apura que suposto caso de adolescente estuprada por motorista de aplicativo é falso

Em nota enviada à imprensa nesta sexta-feira, 20, a Polícia Civil (PC) de Uberlândia apurou que o suposto caso da adolescente de 17 anos que acusou o motorista de um aplicativo de transportes de estupro é falso.

Após analisar imagens de câmeras de segurança próximas ao condomínio em que a jovem estava, no último dia 17, a Polícia Civil concluiu que a adolescente, na realidade, teria pegado carona em uma motocicleta.

Ainda de acordo com a polícia, a jovem teria conhecido um rapaz em um aplicativo de relacionamentos e que ela inventou o caso do suposto estupro por medo de sua mãe descobrir que havia saído com uma pessoa desconhecida.

Por fim, após ser chamada para depor novamente, a PC informou que a jovem conseguiu um advogado e que ela não contribuiria mais com as investigações. E que a partir de agora, só falará em juízo.

Saiba Mais

Garota de 17 anos acusa motorista de aplicativo de estupro em Uberlândia

Postado originalmente por: Portal V9 – Vitoriosa

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

WP2FB Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: