Coronavírus: voos no Aeroporto Internacional de Belo Horizonte despencam 80%

Foto: Gil Leonardi/ Imprensa MG

O setor aéreo é um dos mais afetados pela pandemia do novo coronavírus. Apenas o Aeroporto Internacional de Belo Horizonte, em Confins, teve redução de voos diários de 300 para 50 – uma queda de 80%.

Conforme o diretor presidente da BHAirport, Marcos Brandão, o aeroporto previa crescer 8,5% em relação ao ano passado. Projeção que teve de ser adiada. “Isso significa que fechamos 2019 com 11,3 milhões de passageiros e tínhamos expectativa de 12,3 milhões para 2020”.

Brandão ressalta que, apesar do cenário negativo de momento, o setor aéreo pode aprender com a crise e é possível, inclusive, reduzir futuramente os custos da aviação e das passagens no Brasil.

“Eu acho que muito em breve teremos que iniciar uma retomada da economia. Outro aspecto importante é que todos nós estamos aprendendo de alguma maneira a lidar com essa situação”, ressalta.

A entrevista de Brandão foi concedida à repórter Edilene Lopes, da Itatiaia, para o podcast “Abrindo o Jogo” desta segunda-feira. Ele também fala sobre planos de expansão do Aeroporto Internacional de BH e sobre as medidas sanitárias de combate ao coronavírus. A íntegra da entrevista estará disponível nas plataformas digitais.

(Itatiaia BH)

O post Coronavírus: voos no Aeroporto Internacional de Belo Horizonte despencam 80% apareceu primeiro em 97,1 FM Vale.

Postado originalmente por: 94 FM Vale

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: