Anastasia promove discurso de desburocratização empresarial em encontro com lideranças

“Hoje o ambiente não é bom, quer na dimensão privada, quer na dimensão pública”, disse o candidato 


O senador e candidato ao governo de Minas Gerais Antonio Anastasia (PSDB), em encontro com lideranças sociais, empresariais e dos trabalhadores, disse que pretende simplificar procedimentos burocráticos do estado para estimular a abertura de novas empresas. Segundo o tucano, a medida teria impacto direto na geração de emprego e renda para os mineiros.

O encontro entre o candidato e as lideranças aconteceu nessa terça-feira-feira (21), em Uberlândia, no Triângulo Mineiro. Durante a conversa entre as partes, o candidato pela coligação Reconstruir Minas criticou a maneira como o setor empresarial é conduzido. “Hoje o ambiente não é bom, quer na dimensão privada, quer na dimensão pública. Todavia, esse quadro não privativo de Minas Gerais. Ele está disseminado no Brasil a fora”, disse criticando ainda a atual gestão de Fernando Pimentel (PT). “A crise está mais agravada aqui em razão das inconsistências do atual governo e pelo fato da economia mineira ser muito dependente”.

De acordo com o candidato, atualmente, “o Estado acaba sedo inimigo da livre iniciativa. Ele cria tantos obstáculos que é uma dificuldade”. Para ele, é necessário menor burocracia para abertura de empreendimentos. “Nessas andanças por Minas, estou colhendo muitos exemplos de empresas que ficam prontinhas para funcionar, mas falta uma assinatura ou falta só uma licença. E nesse tempo, o empreendedor está perdendo dinheiro e oportunidades. Então nós podemos fazer, sem gastar um centavo, uma quantificação brutal dos procedimentos administrativos para simplificar esse processo. Vamos despir o Estado o máximo possível, em favor das empresas e do cidadão”, comentou.

O evento foi organizado pelo G7, grupo composto por entidades de representação de classe local, formado pelos dirigentes da Associação Comercial e Industrial de Uberlândia (Aciub), Câmara de Dirigentes Lojistas de Uberlândia (CDL), Conselho de Veneráveis, Federação das Indústrias de Minas Gerais em Uberlândia (Fiemg), Ordem dos Advogados do Brasil Subseção Uberlândia (OAB), Sindicato Rural e Sociedade Médica de Uberlândia.

G.R

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: