Bancos de sangue começam a ter baixas em Minas Gerais

hemominas-promove-coletas-noturnas-de-sangue-em-uberaba.jpg

Por conta da escassez de combustíveis muitas pessoas estão com dificuldades de chegar aos hemocentros. Com isso, a doação de sangue tem ficado comprometida em Minas Gerais.

De acordo com a Fundação Hemominas, desde o último sábado os centros já tiveram uma redução de 20% no número de voluntários. A Hemominas é responsável por abastecer 95% das transfusões sanguíneas nas cirurgias eletivas.

Os tipos de sangue mais afetados com a falta de estoque são dos tipos O e AB negativos. Caso não aconteça uma reposição, os sangues O e AB só vão durar por mais três dias.

A gerente de captação e cadastro da Hemominas, Heloísa Gontijo, disse que a situação se agrava por conta do nível de importância do O negativo, que é doador universal.

Para doar sangue em umas das 21 unidades do estado os interessados devem ter de 16 a 69 anos, pesar mais de 50 kg e estar em boas condições de saúde. Para mais informações e saber onde doar ligue para 155.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: