Cinco pessoas são apreendidas por execução de policial

bandidos-img

Três pessoas foram presas e outros dois adolescentes foram apreendidos neste domingo (04), em Contagem na Região Metropolitana de Belo Horizonte. Os cinco são suspeitos da morte de um policial militar, também em Contagem.

Segundo informações da polícia, o soldado identificado como Rogerys Júnio Gonzaga dos Reis, de apenas 22 anos, foi morto por se recusar a sair do carro. O policial estava na região a caminho da casa da namorada, no Parque São João.

Tudo aconteceu porque um dos suspeitos, um homem de 27 anos, não teria gostado que a vítima chegasse ao local e parasse o carro com os vidros fechados e a luz interna apagada. O homem fez algumas indagações, o policial se identificou, pediu desculpas e logo em seguida saiu com a namorada.

Quando voltou no bairro para deixar a namorada em casa, um dos suspeitos pediu que o policial saísse do veículo, mas ele se recusou. Foi então que o homem disparou contra Rogerys, que morreu na hora.

O homem confessou o crime e disse não saber que Rogerys era militar, para ele o policial era integrante de uma gangue rival. Além dele, outras quatro pessoas que tiveram participações no assassinato foram levadas para a delegacia de Polícia Civil de Contagem.

Anexos para downloads:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: