Cinco são presos após tentativa de fraudar concurso da Polícia Militar, em Montes Claros

Um candidato foi identificado, durante a realização do exame, portando um equipamento de comunicação e apontou o nome do mentor do esquema. Outras três suspeitos foram revelados pelas investigações


A tentativa de fraudar um concurso público da Polícia Militar (PM), em Montes Claros, no Norte de Minas, levou a prisão de cinco pessoas. O crime foi descoberto após um candidato de 39 anos ser flagrado durante a realização do exame com um equipamento de comunicação, que foi identificado como um possível cartão eletrônico.

A PM informou que, ao ser abordado, o candidato indicou um homem, de 38 anos, como suposto idealizador da fraude. Após a denúncia, os militares foram à residência do suspeito, onde foram encontrados outros equipamentos de comunicação, um circuito de TV e celular. Ele se encontrava no local e foi preso.

Além disso, foram descobertos outras três pessoas que teriam participado do esquema. Foi cobrado, para cada candidato, R$ 10 mil pelas respostas do exame.

Os detido vão ser encaminhados à delegacia e o caso será investigado pela Polícia Civil.

O concurso

O edital para admissão ao Curso de Formação de Soldados para o ano de 2019 contou com mais de 58 mil inscritos e foram oferecidas 1.560 vagas em todo estado. Na região Norte do país, foram disponibilizadas 90 vagas para 77 cidades.

A realização do exame foi regulamentada pelo Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG). A Defensória Pública questionou a exigência de curso superior para o certame.

G.R

Anexos para downloads:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: