Duas pessoas são presas durante operação para combater pedofilia no Norte de Minas

Duas pessoas foram detidas ontem (24), em cidades do Norte de Minas, durante a operação Vida Digna, realizada pela Polícia Federal, com o intuito de combater à pornografia infantil pela internet.

Um dentista, de 44 anos, foi preso em Montes Claros, e um técnico em contabilidade, de 55 anos, foi preso em Francisco Sá.

De acordo com a Polícia Federal, os investigados foram presos em flagrante. Nas casas foram encontrados arquivos de computadores com imagens de crianças nuas e com adultos em cenas que comprovam pedofilia. Os materiais foram recolhidos.

A operação Vida Digna também cumpriu outros dois mandados de busca e apreensão em Pirapora, também na mesma região, mas não foram encontradas provas.

Já o material localizado pela Polícia foi levado para a perícia técnica, em Belo Horizonte, com o intuito de verificar arquivos que foram apagados ou compartilhados com outras pessoas.

Segundo o delegado Marcelo Eduardo Freitas, da Polícia Federal de Montes Claros, as investigações foram iniciadas em outubro do ano passado, por meio de quebra de sigilo de e-mails dos suspeitos.

O delegado ressaltou que o compartilhamento do material envolvendo crianças e adolescentes era feito pela internet, por e-mail ou aplicativo de mensagens. Freitas destacou ainda que as fotos encontradas nos computadores são de crianças de até 5 anos.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: