Fabricantes podem ser obrigadas a alertar sobre ricos à saúde causados por mau uso do celular

O tempo médio de uso de celulares por brasileiros é de 4h48min, em 2016, quando houve o último levantamento

Fabricantes de telefones celulares podem ser obrigadas a advertir os riscos relacionados ao uso contínuo dos aparelhos. Isso porque o senador e médico ortopedista Otto Alencar (PSD-BA) observou o aumento no número de pessoas com problemas de postura e na coluna, com dores no braço e na cabeça.

Otto Alencar apresentou um Projeto de Lei do Senado que obriga as fabricantes e importadoras de celulares a alertarem as pessoas sobre os riscos relacionados ao uso indevidos dos aparelhos. De acordo com o último levantamento da Statista, empresa britânica especializada em infográficos de estudos sobre tecnologias, o tempo médio de uso de celulares por brasileiros é de 4h48min em 2016.

Em âmbito mundial, o Brasil lidera o ranking

A inclinação da cabeça para frente, postura comum para visualizar a tela do celular, eleva a pressão sobre as vértebras cervicais. O esforço contínuo sobre a coluna pode resultar em peso de até 30Kg na região de trás do pescoço. A repetição prolongada desta posição provoca o desgaste nas vértebras, pode levar a compressão de nervos e até causar hérnias de disco.

Conforme o projeto, as embalagens dos smartphones comercializados no Brasil deverão ter a advertência nos seguintes termos: ‘Use com moderação. O uso excessivo prejudica a coluna cervical’. A informação deve ser legível e ocupar 10% da área frontal da caixa do aparelho celular. O texto está em debate na Comissão de Transparência, Governança, Fiscalização e Defesa do Consumidor.

A.W

Anexos para downloads:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: