Falhas médicas é a segunda causa de morte mais comum no Brasil

Falhas médicas no Brasil matam mais que a soma das mortes por acidentes de trânsito, homicídios, latrocínios e câncer. Os dados são da pesquisa realizada pela UFMG em parceria com o Instituto de Saúde Suplementar (IESS). As falhas por parte dos profissionais da saúde só não matam mais do que doenças cardiovasculares.  Erros médicos é a segunda causa de morte mais comum no Brasil.

Segundo os dados divulgados pelo instituto, aproximadamente 829 brasileiros morrem todos os dias devido ao erro de funcionários da saúde. Os números mostram que a cada cinco minutos, três pessoas morrem por essas falhas.

alteracao-de-lei-facilita-liberacao-e-renovacao-de-alvaras-para-consultorios-e-clinicas.png
Pelo menos 7% das pessoas internadas em 2016 apresentaram complicações no período em que estiveram internadas (Foto: Divulgação)

O valor representa quase o dobro de mortes por câncer no país, que é cerca de 480 óbitos por dia.

Ainda de acordo com o levantamento, 302.610  pessoas morreram em hospitais públicos e privados somente em 2016. Os dados dão conta que no ano passado, pelo menos 7% dos brasileiros internados tiveram complicações durante o tempo em que estiveram nos hospitais.

Os principais problemas foram erros de dosagem, aplicação de medicamentos, o uso incorreto de equipamentos e infecção hospitalar.

Além do número alto de mortes, a pesquisa mostra um prejuízo financeiro com as falhas. Mais de R$10 bilhões de recursos foram perdidos por conta dos erros.

Anexos para downloads:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: