Anuncie
Amirt

Fundador do Inhotim oferece obras para o pagamento de dívidas

Por: Agência Amirt 22/11/2017 14:25

As obras de renomados artistas que estão expostas no museu Inhotim, em Brumadinho, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, podem ser usadas para o pagamento de dívidas do seu fundador.

O empresário e criador do museu de arte contemporânea, Bernardo de Mello Paz, tem uma dívida de cerca de R$500 milhões com o governo e pretende usar as obras para quitar o débito. A ideia de usar os trabalhos artísticos para o pagamento da dívida veio do próprio empresário.

BRUMADINHO INHOTIM MINAS GERAIS 10/09/2009 - CADERNO 2 - EXCLUSIVO EMBARGADO - INHOTIM - Instituto Cultural situado no município de Brumadinho em MG que abriga coleção de arte conteporânea de artistas de todo o mundo - Na foto o empresário Bernardo Paz - diretor do Instituto - Foto: NILTON FUKUDA / AE

Bernardo de Mello Paz, fundador do Inhotim, foi condenado a mais de nove anos de prisão (Foto: NILTON FUKUDA/AE)

Segundo o governo de Minas Gerais, as obras devem continuar expostas no Inhotim, que é considerado o maior centro de arte ao ar livre da América Latina.

Com a propriedade de parte das obras, o governo de mineiro quer assegurar que o museu continue atraindo visitantes.

Todo o conjunto de obras do Inhotim está avaliado em mais de US$ 1,5 bilhões de dólares.

Bernardo Paz foi condenado a nove anos e três meses de prisão por lavagem de dinheiro em movimentações financeiras de empresas nas quais foi sócio.

Anexos para downloads:

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: