Goleiro Bruno vai poder sair do regime fechado no dia 13 de outubro

No dia 13 de outubro, o goleiro Bruno Fernandes das Dores de Souza vai poder sair do regime fechado de prisão, de acordo com o TJMG – Tribunal de Justiça de Minas Gerais. A liberação foi concedida devido à atualização da pena do goleiro levando em consideração a remissão de 24 dias por conta dos 74 dias de serviços prestados na Apac – Associação de Proteção ao Condenado da cidade de Varginha, localizada no Sul de Minas.

A atualização da pena foi assinada pelo juiz Tarcísio Moreira, mas agora depende de uma requisição da defesa do atleta pedindo a progressão do regime fechado para o semiaberto.

No entanto, o advogado Fábio Gama, responsável pelo goleiro, afirmou que em Varginha não existe cumprimento de pena no semiaberto e por isso Bruno vai poder dormir em casa, caso o pedido seja aceito. A solicitação da defesa vai ser avaliada pelo Ministério Público e ratificada pelo juiz.

Gama, ainda ressalta que a atualização da pena levou em consideração apenas um período de 74 dias trabalhados na Apac de Varginha, porém ainda precisam entrar na conta os serviços prestados ao Corpo de Bombeiros da cidade, ao presídio e cursos feitos pelo goleiro.

O advogado também destacou que, quando o atleta deixar a prisão, vai voltar a cumprir o contrato com o Boa Esporte, e retomar ao futebol. Mas, o clube ainda não se pronunciou.

Vale lembrar que Bruno foi preso em junho de 2010 por envolvimento no desaparecimento da modelo Eliza Samudio e ficou preso até fevereiro de 2017, primeiro de forma preventiva e depois condenado há 20 anos e nove meses pelo assassinato de Eliza, ocultação do cadáver e sequestro do filho.

G.J

Anexos para downloads:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: