Gravações de Joesley envolvendo Temer faz Senado adiar Reforma da Previdência

As reformas da previdência e trabalhistas que tramitavam no Senado Federal estão suspensas. A decisão foi tomada pelo deputado e relator da Reforma da Previdência na Câmara,  Arthur Maia do PPS da Bahia, após gravações de Joesley Batista, diretor da JBS revelar que o presidente Michel Temer pediu o silêncio do ex-deputado Eduardo Cunha, em troca de mesada na cadeia.

arthur-maia
Em nota, Arthur Maia disse que o cenário ficou crítico da última quarta-feira até hoje, com período de incertezas e fortes ameaças as conquistas alcançadas no projeto da Previdência/Foto: Bernardo Caram/G1

Agora, é preciso concluir as investigações sobre o que aconteceu entre Joesley Batista e Michel Temer, para depois votar sobre as mudanças previdenciárias“, disse Maia.

O Senador Ricardo Ferraço, do PSDB do Espírito Santo, considera que a reforma é assunto secundário após as graves acusações contra Michel Temer, e que o calendário para a discussão da reforma trabalhista está suspenso.

Anexos para downloads:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: