Juiz de Fora e Montes Claros decretam situação de emergência devido à greve dos caminhoneiros

Nesta terça-feira (29), Juiz de Fora, na Zona da Mata, e Montes Claros, no Triângulo Mineiro, decretaram situação de emergência devido à greve dos caminhoneiros.

Na cidade de Juiz de Fora, o decreto pressupõe a prioridade para o abastecimento da frota de veículos públicos da área da saúde, segurança e transporte público. Além disso, o poder público está autorizado a adotar todas as medidas administravas para solucionar a situação.

Vale ressaltar que o transporte público em Juiz de Fora vai operar em escala reduzida e as escolas não vão funcionar. Já a coleta de lixo está normalizada.

Em Montes Claros, a prefeitura instaurou um gabinete de crise na última segunda-feira (28). Além disso, decretou situação de emergência, com o objetivo de adquirir produtos prioritários com dispensa de licitação como o diesel, para o atendimento às equipes dos postos de saúde.

No final da tarde de ontem, a prefeitura informou que adquiriu diesel S10, em caráter emergencial. Desta forma, a coleta de lixo vai continuar normalmente em toda a cidade. Já as aulas nas escolas municipais estão suspensas nesta semana.

Outras cidades também decretaram situação de emergência como Itajubá, Lavras, Três Pontes, Cássia, ambas no Sul de Minas, e Teófilo Otoni, no Vale do Mucuri. Já Uberlândia, no Triângulo Mineiro, e Divinópolis, no Centro-Oeste, estão monitorando os estoques de produtos e itens essenciais, além de decretar ponto facultativo, sendo suspensas as aulas e o transporte público funcionando com quadros especiais.

Anexos para downloads:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: