Partidos encerram convenções para eleição em Antônio Dias

Wôlmer Ezequiel

Município de Antônio Dias se prepara para as novas eleiçõesq

O prazo para as convenções dos partidos políticos em Antônio Dias terminou nesta segunda-feira (30). Três legendas nomearam pré-candidatos para a eleição suplementar do município, que será realizada no dia 3 de dezembro. Atualmente todos os interessados em disputar a prefeitura precisam ter seus nomes confirmados nas convenções partidárias e são tratados como pré-candidatos. A partir do momento do registro na Justiça Eleitoral, passa oficialmente à condição de candidato.

Conforme apurou a reportagem do Diário do Aço, nesta segunda-feira, são pré-candidatos no processo eleitoral em Antônio Dias o prefeito interino Benedito de Assis Limas, o Ditinho, e o presidente da Câmara Municipal, Elcio Ataíde, Elcinho, que sairá como vice-prefeito na chapa liderada pelo Partido da Social Democracia Brasileira (PSDB).

O Partido dos Trabalhadores (PT) também terá candidatura própria. Eliane Castro e Dorinha Castro são pré-candidatas a prefeita e vice-prefeita, respectivamente.

Outra legenda que definiu os nomes para participar da disputa foi o Partido Trabalhista Cristão (PTC). Amarildo José da Rocha, o Amarildo Pintor e Eder da Penha, o Alemão, são os nomes escolhidos a pré-candidatos a prefeito e vice-prefeito.

Até o fechamento desta edição, o ex-prefeito Willian Robson Marques Fraga, o Lila, confirmava seu nome para representar o Partido Republicano da Ordem Social (PROS). O partido ainda não havia divulgado o nome do seu pré-candidato a vice.

Questionado sobre as pendências com a Justiça Eleitoral, que o impediram de tomar posse em primeiro de janeiro desse ano, embora fosse o candidato com o maior número de votos em 2016, Lila afirmou o seu entendimento que está apto a concorrer às novas eleições. “Não tenho mais nenhuma dívida com a Justiça Eleitoral, posso concorrer normalmente”, pontua Lila.

Próximas etapas

Na próxima sexta-feira (3) de novembro, às 19h, será encerrado o prazo para entrega dos pedidos de registros dos candidatos à Justiça Eleitoral. A partir do dia 4 de novembro, os candidatos podem iniciar a propaganda eleitoral, regulamentada pela Resolução nº 23.457/2015, que cuidou das regras relativas à propaganda nas Eleições 2016, e pela Lei nº 9.504/1997.

No dia 3 de dezembro, os eleitores inscritos no cadastro eleitoral até o dia 5 de julho de 2017 escolhem o prefeito e vice. A eleição será das 8h às 17h, com as mesmas Mesas Receptoras de votos constituídas para as eleições que ocorreram em outubro de 2016.

Entenda

A eleição suplementar de Antônio Dias promete resolver a instabilidade política e administrativa que o município mais antigo do Vale do Aço enfrenta desde o fim de 2016, quando o candidato a prefeito que recebeu mais votos, Willian Robson Marques Fraga, o Lila (PROS), não pôde ser diplomado para tomar posse em primeiro de janeiro. Lila teve indeferido o o seu registro de candidatura e recorreu a todas as instâncias da Justiça Eleitoral, sem reverter a decisão a seu favor.

No dia 14 de setembro, por 7 votos a 0, os ministros do Tribunal Superior Eleitoral entenderam que Lila estava inelegível para a disputa, devido à rejeição de contas públicas por prática de improbidade administrativa. William Fraga concorreu a prefeito com o registro indeferido, com recurso à espera de julgamento definitivo pela Justiça Eleitoral.

Ao negar em voto-vista o recurso do candidato, o ministro Gilmar Mendes afirmou que, no caso, o Tribunal Regional Eleitoral de Minas Gerais (TRE-MG) verificou que a Justiça Comum constatou que William Fraga teria adquirido peças automobilísticas com dinheiro público, que foram indevidamente instaladas em veículos particulares. Diante disso, o candidato estaria inelegível pelo artigo 1º da Lei Complementar nº 64/90.


Postado originalmente por: Diário do Aço

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: