Pimentel e Kalil se encontram para anunciar medidas de prevenção contra ataques a ônibus

Foi apresentado um canal exclusivo para crimes de incêndios à ônibus no 181 disque-denúncia 


Governador Fernando Pimentel participa de coletiva sobre queima de ônibus 27-06-2018- Prefeitura de Belo Horizonte Foto: Manoel Marques/imprensa-MG
(Foto: Manoel Marques/imprensa-MG)

Em reunião realizada entre o governador de Minas Gerais, Fernando Pimentel, e o prefeito de Belo Horizonte, Alexandre Kalil, foram divulgadas medidas por parte do governo do Estado para evitar os casos de ônibus incendiados como forma de resposta aos recentes ataques que atingiram cidades de várias regiões de Minas.

No encontro entre os chefes do executivo estadual e municipal, foi anunciado um canal exclusivo, dentro do dique-denúncia 181, que será destinado apenas à ocorrências de ônibus incendiados. O governador ressalta que a medida vai possibilitar que a comunidade denuncie quando suspeitar que alguém está planejando um atentado desse tipo. Ele ainda ressalta que está “criando toda rede possível para que este tipo de delito seja reduzido ao mínimo, para não prejudicar a população”.

De acordo com a Polícia Militar, de janeiro a junho de 2017, apenas na capital, foram registrados o incêndio de 20 ônibus.  Neste ano, o número já passa dos 20. O interior do estado também sofreu com ataques em série. Até aqui, já são mais de 120 ataques em 43 cidades mineiras. A maior parte dos casos apontam a insatisfação com o sistema prisional como o motivado dos crimes.

Pimentel ressalta ainda que outras medidas de prevenção estão sendo tomadas, como o monitoramento da Polícia Militar, seguindo o roteiro de viagem dos ônibus.

Já o prefeito Alexandre Kalil destacou a importância da participação da população para prevenção e controle do número de incidências.

G.R

Anexos para downloads:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: