Professora não resiste aos ferimentos e morre após atentado em Janaúba

Mais uma vítima do atentado a creche Gente Inocente em Janaúba, no Norte de Minas, não resistiu aos ferimentos e morreu.

A mulher identificada como Geni Oliveira Lopes Martins de 63 anos e veio a óbito na madrugada desta segunda-feira (06).  Ela era auxiliar de professora na creche.

Geni que teve 60% do corpo queimado estava internada no hospital João XXIII, em Belo Horizonte, em estado grave.

Além dela, morreram a professora Heley Abreu Batista, nove crianças e o autor do crime Damião Soares dos Santos, somando 12 mortes por conta do atentado.

Anexos para downloads:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: