Risco de câncer de pulmão pode diminuir em 39% em fumantes que abandonaram o vício dentro de cinco anos, diz estudo

Um estudo realizado por pesquisadores do Centro de Medicina dos Estados Unidos e publicado nesta quarta-feira (30) pela Revista Nacional do Câncer afirma que após cinco anos sem fumar o risco de câncer de pulmão pode diminuir em 39%.

Os cientistas examinaram os registros de saúde de quase nove mil pessoas, que foram observadas de 25 a 34 anos. Ao logo desse período, 284 cânceres de pulmão foram diagnosticados. Quase 93% desses casos ocorreram entre os fumantes que consumiram um maço de cigarros por dia, durante 21 anos ou mais.

Porém, cinco anos depois do abandono do vício, o risco de desenvolver câncer de pulmão caiu para 39% em comparação com os fumantes atuais. Além de diminuir, ao passar do tempo.

No entanto, mesmo após 25 anos, o risco de câncer no pulmão ainda permanece três vezes maior em comparação às pessoas que nunca fumaram.

A principal autora do estudo, Hilary Tindle, afirma que se alguém fuma, agora é um ótimo momento para parar, já que os fumantes ainda possuem o risco de câncer de pulmão mesmo após décadas em que o último cigarro foi aceso.

Anexos para downloads:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: