Anuncie
Amirt

[Zero A Cem] Fracassado, Golf deve ser descontinuado no Brasil e, também, no México

Por: Agência Amirt 16/10/2017 14:58

Mesmo partindo de menos de R$ 48 mil, mexicanos rejeitam modelo que perdeu qualidade, em relação ao irmão europeu

Ontem, eu disse que a chegada do novo Polo mexeu com toda a gama Volkswagen ofertada no Brasil. As versões populares do Fox, bem como o Golf equipado com motor 1.6 litro, já saíram de cena, mas o que a marca esconde de seus clientes – coitados – é que o próprio Golf está na corda bamba. Se sua produção nacional anda ameaçada pelos baixíssimos volumes de vendas, no México, é o realinhamento da oferta que ameaça o médio-compacto. De acordo com o site “Al Volante”, o Golf deve deixar de ser feito na fábrica de Puebla, que abastece o mercado norte-americano, em pouco mais de um ano. A partir de 2020, a oitava geração do Golf chegará aos Estados Unidos vinda da Europa. A exemplo do que ocorre por aqui, as vendas do modelo andam em baixa no México, mas lá, onde ele parte de 280 mil pesos (o equivalente a R$ 47.685, contra mais de R$ 101 mil do irmão brasileiro) os mexicanos estão boicotando o carro pelo fato de ele não ter mantido a mesma qualidade do irmão europeu. Ao ser nacionalizado, o Golf europeu perdeu a suspensão traseira independente, o câmbio pré-seletivo DSG de embreagem dupla e sete marchas, além do freio e estacionamento eletroidráulico. Lá, eles não são tão estúpidos quanto nós…

Piorado em relação ao europeu, Golf mexicano fracassa: lá, versão que aqui custa R$ 101 mil, parte de menos de R$ 48 mil

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: