Prefeitura divulga nota esclarecendo morte de idoso na UPA

A assessoria de comunicação da Prefeitura de Patos de Minas emitiu uma nota esclarecendo o fato do idoso que morreu na Unidade de Pronto-Atendimento – UPA do Bairro Peluzzo. A nota desmente a informação de que o idoso aguardava atendimento e  informa que ele sofreu uma parada cardiorrespiratória enquanto esperava o medicamento. O óbito foi constatado às 11h18 de sexta-feira (02/06). 

Segue a nota oficial da Prefeitura de Patos de Minas:  

*Sobre morte do idoso*

'A gerência da UPA informa que ao consultar o prontuário do senhor José Augusto Coelho Diniz, 78 anos, foi constatado que ele deu entrada na Unidade de Pronto Atendimento no dia 02/06/2017 às 09h53, sendo atendido pela enfermeira do protocolo Manchester às 10h08 e classificado como verde, ou seja, podendo ser atendido em até 120 minutos

Havia relato pelo acompanhante de que o senhor tinha febre, respiração ruim e úlceras por pressão. O paciente foi atendido pelo médico do plantão e prescrita a realização de exames laboratoriais e raio-X, bem como soroterapia e antitérmico.

Ao sair do consultório, o acompanhante dirigiu-se ao setor de medicação onde a técnica de enfermagem orientou que aguardasse na fila, pois ela já estava medicando outro paciente. Ao perceber que o paciente estava desacordado, a técnica de enfermagem constatou que o idoso encontrava-se em PCR (parada cárdio-respiratória), conforme relatado no prontuário.

O paciente foi encaminhado imediatamente à  sala de urgência e iniciado procedimento padrão para casos de urgência, porém, sem sucesso, sendo constatado óbito às 11h15. Segundo relatos da esposa, o idoso estava sob tratamento domiciliar para pneumonia e que revelou, também, que ele estava com quadro de dispnéia/ falta de ar  há vários dias e sem resposta até mesmo das nebulizações diárias, sendo este um dos motivos para que o paciente fosse levado à UPA.

Postado originalmente por: Clube AM

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: