Batida frontal entre carro e carreta na BR 354 mata três pessoas e fere duas

A Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Patos de Minas conseguiu, nesta semana, o Auto de Vistoria do Corpo de Bombeiros (AVCB), que é um documento emitido pelo Corpo de Bombeiros de Minas Gerais, certificando que a edificação possui as condições de segurança contra incêndio e pânico. Além dele, a unidade recebeu o alvará de funcionamento emitido pela Vigilância Sanitária. A conquista do AVBC e do Alvará Sanitário faz parte do incansável trabalho da atual Administração Municipal em regularizar as instalações da UPA, que não possuía esses documentos desde sua abertura.

De acordo com a Coordenadora da UPA VIII, Daniele Galati, a unidade apresenta todos os requisitos de segurança exigidos para obtenção do AVBC como: saídas de incêndio, sinalização, luzes de emergência, brigadistas, entres outros. “A regularização é um passo importante para mantermos a qualidade de nossos serviços e trabalharmos de forma a melhor atender à população. Essa conquista é bastante comemorada em meio a uma crise vivenciada por nós, já que a unidade está sendo mantida com recursos municipais e federais, uma vez que o Governo do Estado de Minas não realiza os repasses para sua mantenção desde 2016 e estamos nos esforçando muito para mantermos nossa qualidade e bom atendimento”, ressaltou a coordenadora.

Melhoria do Acolhimento

A recepção da UPA está com novo layout e passou a oferecer café aos pacientes e acompanhantes, que aguardam pelo atendimento. Além disso, o espaço recebeu nova pintura. A unidade vem realizando também um trabalho diferenciado no acolhimento dos pacientes que chegam à UPA. Desde o início de agosto, os profissionais de enfermagem e assistência social têm recebido aqueles que comparecem à unidade, direcionando os pacientes para uma sala de conscientização sobre as atividades desenvolvidas pela UPA, orientando que a unidade é destinada a atendimentos de urgência e emergência. Daniele informou ainda que a maioria dos casos atendidos pela UPA deveria ser atendida pelos Postos de Saúde. “Nesse atendimento de conscientização, nosso profissionais realizam o encaminhamento desses pacientes para o posto de saúde próximo a sua residência, já com o horário da consulta médica marcada para o mesmo dia. Assim, as pessoas com casos, muitas vezes, que não são especificamente de urgência e emergência não precisam esperar horas e horas para serem atendidas, uma vez que utilizamos a classificação de risco priorizando os atendimentos”, ressalta a Coordenadora.

Postado originalmente por: Clube Notícia – Patos de Minas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: