Homem que se passava por funcionário da Cemig é preso juntamente com mulher; eles são suspeitos de aplicar golpes

–>

Homem que se passava por funcionário da Cemig é preso juntamente com mulher; eles são suspeitos de aplicar golpes

A Polícia Militar de São Gotardo conseguiu prender na tarde desta quarta-feira (18) um casal suspeito de aplicar golpes nas cidades de  Patos de Minas, Rio Paranaíba, Carmo do Paranaíba, Patrocínio  e São Gotardo.

De acordo com as informações, a sala de operação recebeu informações das cidades vizinhas informando que um homem estaria se passando por funcionário da CEMIG utilizando uma motocicleta Honda CG de cor vermelha.

Esse homem, segundo as informações, teria visitado duas residências alegando que iria avaliar o consumo de energia para que assim, tivesse acesso aos imóveis. Aproveitando do descuido dos moradores, ele furtava dinheiro e objetos.

Ainda segundo as informações, o homem é autor pelo menos cinco crimes semelhantes nas cidades de  Patos de Minas, Rio Paranaíba, Carmo do Paranaíba, Patrocínio  e São Gotardo.

A Polícia Militar então suspeitou que o autor estaria atuando em cidades próximas à BR 354 e que a próxima cidade seria São Gotardo o alvo do criminoso.

Dessa forma, os militares montaram uma operação e conseguiram localizar a motocicleta e autor acabou sendo preso. Os policiais também identificaram o hotel onde o homem estava hospedado. No local, eles localizaram uma mulher e os pertences que foram subtraídos das vítimas.

Enquanto era lavrado o boletim de ocorrências, a Polícia Militar foi acionada para o atendimento de outra vítima, desta vez em São Gotardo, sendo uma senhora de 91 anos que foi enganada da mesma forma. Ao todo, os policiais conseguiram apreender R$ 1740,20 reais em cédulas diversas, dois cartões de créditos de vítimas, três comprovantes de depósitos que foram realizados nesta quarta-feira totalizando R$ 4.700,00, além de uma bolsa e carteiras subtraídas das vítimas.

Segundo a polícia, os depósitos eram sempre realizados nas contas da mãe e da amásia do autor. Eles foram identificados como Flavio Alves da Mota, 40 anos, natural de Gurupi/Tocantis, e Rosiclea da Silva Dias, 33 anos, natural de Alto Alegre do Pindaré/Maranhão.

Eles foram encaminhados para a Delegacia da Polícia Civil de Patos de Minas para as demais providências.

Matéria: Gilberto Martins

Fonte:Polícia Militar

Postado originalmente por: Clube Notícia – Patos de Minas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: