MP pede impugnação de candidatos em Minas; patense está na lista

Acontece nesta quinta-feira, dia 23 de agosto, mais uma reunião dos servidores da educação de Patos de Minas. O encontro é promovido pelo sindicato da categoria, o Sindicato Único dos Trabalhadores em Educação (SIND-UTE). Na pauta da reunião está o problema envolvendo os atendimentos do IPSEMG em todo o estado.

Conforme já havia adiantado o Clube Notícia, a dívida do Governo Mineiro com os hospitais conveniados é milionária e muitos estão sem atendimento. A solução, até o momento, tem sido procurar unidades que ainda atendem pelo programa, como é o caso da cidade de Patrocínio.  Os representantes dos trabalhadores da educação querem respostas sobre o problema e repassarão informações sobre o assunto no encontro. A assembleia será promovida na Rua Major Gote, 1022, sala 406, no Centro de Patos de Minas.

O governo continua descontando os valores da contribuição do Ipsemg (cerca de 3,2%) e da coparticipação no salário dos servidores. No entanto, esses recursos não chegam ao instituto e vão direto para o caixa único do Estado. Os sindicalistas disseram que não sabem se o governo está pagando a contribuição patronal que lhe cabe (1,6% do salário do servidor beneficiado).

Postado originalmente por: Clube Notícia – Patos de Minas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: