Patos de Minas adquire 1.000 testes rápidos da COVID-19 e negocia a compra de oito respiradores

–>

Patos de Minas adquire 1.000 testes rápidos da COVID-19 e negocia a compra de oito respiradores

A Prefeitura de Patos de Minas conseguiu, na rede particular, 1mil testes rápidos para o novo cornavírus. A expectativa, segundo a Secretaria Municipal de Saúde, é de que a distribuição seja feita nesta semana. Com isso, estimam os técnicos da Vigilância Epidemiológica, ficará mais fácil de identificar e isolar os infectados. Respiradores também podem ser ainda semana adquiridos e serão montados no Hospital de Campanha.

O Prefeito de Patos de Minas, José Eustáquio (DEM), informou que cada teste custou 130 reais, e foram adquiridos via Consórcio Intermunicipal de Saúde do Alto Paranaíba (CISALP). A iniciativa supre uma carência da Fundação Ezequiel Dias (FUNED), que tem levado, pelo menos, 14 dias para divulgação dos resultados. No caso de Patos de Minas, a maioria dos pacientes suspeitos se recupera da doença, antes mesmo da confirmação do resultado.

Procedimento de coleta

Para ser testado, o paciente deve procurar uma unidade de saúde e, após avaliação do médico, (que vai decidir se a coleta será feita ou não) o material é recolhido e enviado à FUNED. O teste rápido será feito na sequencia, para que os profissionais de saúde isolem o paciente ou ministrem outro tratamento. Ou seja, o procedimento segue o mesmo: testar apenas aqueles que apresentem sintomas.

Compra de respiradores

Além disso, segundo informações do Prefeito, Patos de Minas negocia a compra de oito respiradores. Os aparelhos, que estão em falta no mercado, vão ser utilizados no Hospital de Campanha, montado no Centro Clínico Universitário, na Avenida Marabá. O equipamento custa 54 mil reais cada, e virão de Santa Catarina.

Postado originalmente por: Clube Notícia – Patos de Minas

%d blogueiros gostam disto: