Pedro Cine Fotos
Vale do Aço

Coronel Fabriciano busca R$ 4 milhões para reformar a prefeitura

Por: Diário do Aço 29/09/2017 20:32
Divulgação

Prefeitura de Coronel Fabriciano

Em reunião esta semana os vereadores de Coronel Fabriciano aprovaram o projeto de lei n° 2.850/2017, que autoriza o município a contratar com o Banco de Desenvolvimento de Minas Gerais (BDMG), operações de credito com outorga de garantia. O Projeto foi aprovado por 11 votos a favor e 2 contra. A intenção do município é utilizar o empréstimo de R$ 4 milhões de reais para financiamento de construção, ampliação e reforma de edificações públicas municipais, entre elas a prefeitura, com o objetivo de melhorar as instalações públicas, modernizar a gestão e economizar com aluguéis.

A linha de crédito oferecida pelo banco no dia 18 de Julho deste ano prevê juros de 6% ao ano e 60 meses para pagar. Segundo Wander Ulhôa, Secretário de Governança Financeira e Orçamentária, Coronel Fabriciano gasta por ano, em média, 1 milhão 753 mil reais só com aluguel. “O empréstimo para a construção do Paço Municipal vai permitir uma economia de mais de R$ 700 mil por ano. É um ganho relevante”, afirmou.

Ainda de acordo com o Secretário, essa verba será somente para reforma de prédios próprios da administração. “Nosso objetivo é deixar de pagar aluguel, e como as taxas de juros são mais baixas, vale a pena. Será uma enorme economia para que o município possa investir nas prioridades”, conclui.

A intenção do município é utilizar o empréstimo de R$ 4 milhões de reais para financiamento de construção, ampliação e reforma de edificações públicas municipais

Paço Municipal
Parado e sem reforma há 13 anos, o Paço Municipal fica anexo ao prédio da prefeitura e estava embargado pelo poder judiciário. A gestão do atual prefeito, Marcos Vinícius, conseguiu autorização para dar prosseguimento às obras. Para o Secretário de Governança Urbana, Planejamento e Meio Ambiente, Douglas Prado, a reforma é fundamental para logística do governo. “As secretarias de finanças e administração ficam em prédios alugados e longe da sede da prefeitura. O Paço Municipal terá quatro andares em estrutura metálica. A proposta é fazer a ligação dos prédios através de uma passarela e trabalhar com acessibilidade”, conclui.



Postado originalmente por: Diário do Aço

Veja também
%d blogueiros gostam disto: