Anuncie
Vale do Aço

IFMG abre mais uma turma de curso gratuito de Engenharia Elétrica

Por: Diário do Aço 27/10/2017 17:32
Divulgação

Antiga escola Getúlio Vargas, no bairro Veneza, é adaptada para sediar o Campus Ipatinga do IFMG

O reitor do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Minas Gerais (IFMG), Kléber Gonçalves Glória; o pró-reitor de Administração e Planejamento, Leandro Antônio da Conceição, e o diretor-geral do campus em Ipatinga, Alex de Andrade Fernandes, estiveram esta semana na prefeitura de Ipatinga. Eles foram tratar de uma série de assuntos relacionados ao funcionamento da instituição no município, entre eles a abertura da segunda turma de Engenharia Elétrica, em 2018. Viabilizado graças ao apoio decisivo da atual administração, o primeiro curso superior presencial inteiramente gratuito, em Ipatinga, foi aberto este ano, com uma turma inaugural de 35 alunos. A perspectiva é de que, em cinco anos, 210 novos engenheiros tenham sido formados na cidade, pelo Instituto.

A administração municipal assegurou recursos para as obras de implantação do campus do IFMG, no bairro Veneza, por meio do gabinete do deputado federal Leonardo Quintão, e elas estão em fase de acabamento. A inauguração está prevista para o primeiro semestre do próximo ano. Quando o atual governo assumiu, o prédio encontrava-se completamente abandonado. Além de vários materiais furtados (pias, portas, janelas, metais, fiação, etc), o imóvel estava sendo utilizado por usuários de drogas.

No primeiro mandato de Sebastião Quintão, a edificação, construída originalmente para funcionamento da antiga Escola Getúlio Vargas, recebeu grandes investimentos e sediava o maior centro de treinamento do Senai (Serviço Nacional da Indústria) no interior de Minas Gerais.

Seleção

O diretor do campus do IFMG em Ipatinga, Alex Fernandes, informou que o segundo processo seletivo para Engenharia Elétrica – turno integral, matutino e vespertino –, com inscrições entre 26 de setembro e 20 de outubro, foi o segundo mais concorrido em todo o estado. O número de candidatos foi inferior apenas ao do curso de Medicina Veterinária oferecido na cidade de Bambuí, no Oeste de Minas. O ingresso se dá por meio da nota do Enem nos últimos três anos ou via Sistema de Seleção Unificado (Sisu).

Além do curso presencial de Engenharia Elétrica, o atual governo oferece, por meio do IFMG, três cursos técnicos gratuitos, nas áreas de Segurança do Trabalho, Mecânica e Eletrotécnica, com um total de 250 alunos.

Incentivo

O governo municipal acertou com os dirigentes do instituto a realização de um programa de visitas guiadas de alunos de escolas municipais e estaduais ao campus avançado do IFMG, no próximo ano, a fim de que eles conheçam a estrutura da unidade e assim ganhem maior estímulo para o prosseguimento dos estudos com apoio do poder público. “Queremos ampliar o leque de oportunidades para os estudantes de escolas públicas, dar melhores perspectivas de sustento às famílias mais vulneráveis da sociedade. Além dos cursos superiores gratuitos, estamos trabalhando para diversificar os cursos técnicos integrados ao ensino médio”, adiantou o prefeito Sebastião Quintão.

Escolaridade

Dados do último Censo realizado pelo IBGE apontam que apenas 11% dos brasileiros entre 25 e 64 anos têm diploma universitário. No Chile, são 24%. Um estudo realizado pela OCDE – Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico – mostra que um trabalhador com curso superior pode ganhar até 140% a mais do que o profissional que parou os estudos no ensino médio.



Postado originalmente por: Diário do Aço

Veja também
WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: