Anuncie
Vale do Aço

Ipatinga realiza o 1° Seminário de Segurança Alimentar

Por: Diário do Aço 16/10/2017 17:32
Divulgação

Dia da Alimentação teve como tema: “Investir na agricultura para garantir a segurança alimentar”

A Secretaria de Assistência Social promove hoje o 1° Seminário do Conselho Municipal de Segurança Alimentar Nutricional Sustentável de Ipatinga (Consea), com o tema “Alimento Seguro”. O evento será nesta terça-feira (17), de 13h às 17h, no plenário da Câmara Municipal.

O 1° Seminário do Consea contará com um circuito de palestras a cargo de representantes da Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural (Emater) do Distrito Federal, abordando a agricultura familiar. Também está prevista a participação do Sindicato dos Panificadores do Vale do Aço (Sinpava), com sede em Ipatinga, que falará sobre o Selo Alimento Seguro, para identificar empreendimentos que cumpram e tenham relevância na gestão da segurança dos alimentos. Representantes da Agência Nacional de Vigilância Sanitária – Anvisa reforçam as explicações acerca do tema, enquanto o Departamento de Proteção Social Básica da Prefeitura também estará presente para enfatizar a importância do Banco de Alimentos para a cidade e região.

O evento abordará também o Dia Mundial da Alimentação, lembrado em 16 de outubro. Este ano, o tema central foi “Investir na agricultura para garantir a segurança alimentar”. Nesta data, mais de 100 países relembram todos os anos que, num mundo de abundância, milhões de pessoas passam fome diariamente. A proposta do dia é ressaltar a necessidade de contar com mais recursos no combate à fome.

O 1° Seminário do Consea é aberto ao público, direcionado principalmente às pessoas que trabalham com alimentos.
O Conselho Municipal de Segurança Alimentar e Nutricional Sustentável de Ipatinga é formado por 30 conselheiros, dentro sos quais, 15 titulares e 15 suplentes. Sua função é debater, acompanhar, propor e fiscalizar as ações implementadas na área, no município.

O Consea também atua na gestão da rede de serviços públicos de segurança alimentar, formada pelo Banco de Alimentos e o Programa de Aquisição de Alimentos (PAA), reativados este ano, além do Restaurante Popular, que está fechado desde 2012 e, graças a uma série de ações estruturantes, pode ser reaberto ao público no próximo ano.



Postado originalmente por: Diário do Aço

Veja também
WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: