28 Congresso
Vale do Aço

Usiminas promove série de ações no Vale do Aço para celebrar aniversário

Por: Diário do Aço 01/11/2017 18:32
Edmar Rosa

Data foi marcada por reuniões com a comunidade e evento festivo no Centro Cultural

A noite da terça-feira (31) marcou o ponto alto das celebrações dos 55 anos de operação da Usiminas, com evento realizado no Centro Cultural Usiminas, que recebeu centenas de pessoas que fazem parte da história da empresa. Toda a diretoria da Usiminas, assim como representantes do Conselho de Administração e os principais acionistas da companhia se integraram com autoridades públicas, empresários, entidades de classe, membros da sociedade civil organizada, colaboradores e diversos segmentos da comunidade, para uma noite que marcou o acendimento da chama de uma nova fase na história da empresa. O momento fechou uma ampla agenda na cidade de Ipatinga e outras comemorações do aniversário.

A noite foi embalada por show da cantora Danni Carlos e marcada pela mensagem do presidente Sergio Leite. O executivo reverenciou a história das últimas décadas da Usiminas e os recentes resultados financeiros positivos da empresa dos últimos doze meses, bem como fez projeções otimistas em relação ao futuro da companhia. Em parte marcante da cerimônia, os dirigentes da Usiminas e convidados da comunidade local foram ao palco para o acendimento simbólico de uma chama em alusão ao início das operações da usina, em 1958, e para marcar o futuro. “Hoje voltamos a acender esta chama para os próximos 50 anos em que vamos trilhar, juntos, o futuro da Usiminas, unindo as nossas três forças: os brasileiros, japoneses e ítalo-argentinos. Sonhos, muito trabalho e dedicação nos trouxeram até aqui. Sonhos, muito trabalho e dedicação nos levarão a um futuro promissor”, afirmou Sergio.

Duas homenagens se destacaram na noite, com a entrega da escultura “Parceria de Aço”, recebida pela viúva do ex-presidente Rinaldo Campos Soares, dona Conceição Soares, e por Ademar de Carvalho Filho, em nome de seu pai, o também ex-presidente da siderúrgica, Ademar de Carvalho. “Estar aqui hoje significa muito para nós que vestimos a camisa da Usiminas e estamos torcendo para que a empresa cresça. A comunidade necessita da empresa grande, o Vale do Aço se acostumou com a Usiminas grande, e temos a esperança de que a Usiminas voltará a este lugar”, declarou dona Conceição.

Também presente à solenidade no Centro Cultural, o prefeito de Ipatinga, Sebastião Quintão, lembrou que “a Usiminas é um marco na história da região, responsável pela arrancada para o crescimento da região. O progresso da Usiminas proporcionou a independência financeira e econômica para milhares de famílias, de forma direta ou indireta, como a minha. Com um material humano bem selecionado, a empresa nos trouxe a cultura do trabalho, da tecnologia, do saber, de qualidade e outros que proporcionaram o destaque de nossa cidade”.

Homenagens prestadas a Conceição Soares, viúva do ex-presidente Rinaldo Campos Soares, e a Ademar de Carvalho Filho, em nome do pai, o também ex-presidente, Ademar de Carvalho

Encontros com a comunidade
Acompanhada de membros do Conselho de Administração, a diretoria da Usiminas realizou uma série de visitas a entidades da região do Vale do Aço, no último dia 31. Na ocasião, o presidente da empresa, Sergio Leite, juntamente com outros executivos, participou de um café da manhã na AMVA (Associação dos Municípios da Microrregião do Vale do Aço), com a presença de prefeitos da região. Durante o encontro foi comemorada a conquista do prêmio concedido pela Word Steel Association, uma das maiores associações industriais do mundo com sede na Bélgica, pelo projeto “Caminhos do Vale”.

Segundo Sergio Leite, “a Usiminas tem, historicamente, uma responsabilidade socioambiental e este prêmio vem reforçar nosso compromisso com a vida, com nosso planeta”. “Gostaria de compartilhar com vocês esta conquista que mostra a importância e a presença da Usiminas no cenário internacional”, disse o presidente da empresa durante o encontro na AMVA. Para o presidente da entidade, Ailton Silveira, “o Caminhos do Vale é mais uma prova de que a empresa anda lado a lado com os municípios. Usar a escória do processo siderúrgico como produto para pavimentação de estradas é uma grande sacada que tem trazido ganhos para nossas cidades trazendo mais acessibilidade aos moradores e melhorias para nosso meio ambiente”.

Nesse mesmo dia, a diretoria visitou a Associação dos Portadores de Insuficiência Renal do Vale do Aço (Apirva), do bairro Bela Vista, onde foi assinado um contrato de cessão de imóvel pela Usiminas, em regime de comodato, para utilização pela entidade.

A agenda da diretoria no Vale do Aço incluiu ainda reuniões com o SICOOB (Sistema de Cooperativas de Crédito do Brasil) e com membros da Diocese Itabira-Coronel Fabriciano para formalizar a doação de duas igrejas para a instituição. Para o bispo Dom Marco Aurélio Gubiotti, a Usiminas apoia a diocese desde a fundação da empresa.

Ainda como parte da agenda em torno dos 55 anos da Usiminas no Vale do Aço, na noite do dia 30 de outubro, o presidente Sergio Leite recebeu o troféu “Tigrão de Aço”, uma homenagem do Ipatinga Futebol Clube à parceria da companhia com o clube.

Portas Abertas
Durante a semana de celebração dos 55 anos da Usiminas, os empregados e familiares da empresa também foram recebidos no “Portas Abertas”. O evento, realizado na manhã do domingo (29), contou com duas caminhadas, uma na Usina de Ipatinga, com 1.500 presentes, e outra na Usiminas Mecânica com 400 participantes. Foi a oportunidade para a comunidade visitar a área industrial das empresas e conhecer o ambiente onde trabalham milhares de pessoas da comunidade do Vale do Aço.

MAIS FOTOS
Encontrou um erro? Comunique: falecomoeditor@diariodoaco.com.br