28 Congresso
Juiz de Fora e Região

Settra já removeu mais 39 veículos irregulares este mês

Por: Diário Regional 23/10/2017 13:37

A Secretaria de Transporte e Trânsito (Settra), através do Departamento de Fiscalização de Transporte e Trânsito (DFTT), removeu, só neste mês, 39 veículos envolvidos em infrações. De setembro até agora, já foram 138. Os dados foram divulgados nesta segunda-feira, 23. A irregularidade mais frequente é o estacionamento irregular, principalmente em porta de garagens: foram 45 remoções em agosto e 54 em setembro.

No sábado, 21, foram dois removidos, um por estacionar na porta de garagem e outro no ponto de ônibus. Ambas são infrações médias, com perda de quatro pontos na Carteira Nacional de Habilitação (CNH) e pagamento de multa no valor de R$ 130,16. Na sexta-feira, 20, três automóveis foram removidos por estacionamento em desacordo com regulamentação da vaga de rotativo, e dois deles estavam com a documentação vencida. Nestes casos, os responsáveis cometeram infração grave, perdem cinco pontos na CNH e ainda pagarão multa de R$ 195,23. Em relação ao documento, a não renovação do Certificado de Registro e Licenciamento de Veículos (CRLV) é uma falta gravíssima, com perda de sete pontos na (CNH) e pagamento de R$ 293,47. “Quando o condutor não for identificado na hora, a pontuação vai para a CNH do dono do veículo”, explicou o gerente do DFTT, Paulo Peron.

Ele afirma também que este trabalho de remoção auxilia na solução dos problemas de mobilidade. “Um veículo estacionado em local proibido causa prejuízo para a circulação de pedestres e outros meios de transporte. Também tira o direito de estacionamento em vagas especiais destinadas a idosos ou pessoas com deficiência ou até mesmo regulamentadas para uso de determinados veículos, como carga e descarga, por exemplo”.

O veículo removido é levado para um pátio credenciado do Departamento de Trânsito de Minas Gerais (Detran-MG). Para retirá-lo, o proprietário deve quitar todos os débitos referentes à legalização, como: Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA), Seguro do Trânsito – Danos Pessoais Causados por Veículos Automotores de Via Terrestre (Dpvat) ou licenciamento. Além de ter que pagar as taxas de remoção e guarda do veículo, pagas ao pátio credenciado. “Caso esteja com a documentação em dia, será necessário pagar eventuais multas e o pátio”, ressaltou Peron.

Em casos de flagrantes de infrações no trânsito, a equipe de agentes de fiscalização de transporte e trânsito pode ser acionada através do 3690-7400.

Fonte: Assessoria / PJF

Postado originalmente por: Diario Regional – Juiz de Fora

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: