Anuncie
Juiz de Fora e Região

UFJF lança projeto que visa aproximar estudantes ao conhecimento científico

Por: Diário Regional 26/10/2017 6:37

A Universidade Federal de Juiz de Fora lançou nessa quarta-feira, 25, o projeto “Eis a questão”. A iniciativa visa aproximar os estudantes do Ensino Médio com o conteúdo científico desenvolvido dentro da instituição.

“O projeto foi desenvolvido para comunicar a ciência para um público mais jovem de uma forma descontraída. E também passar o conhecimento científico de uma forma lúdica para que o jovem pudesse ir brincando, aprendendo e tendo informações que impactam o seu dia a dia”, esclareceu a coordenadora de Divulgação Científica da Imagem Institucional, Bárbara Duque.

O projeto foi financiado pela Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais (Fapemig). “Imaginamos qual seria o melhor meio [para se comunicar com os jovens] e vimos que seria um aplicativo digital, que pode ser baixado por qualquer dispositivo. Além disso, a linguagem também é bem próxima dos estudantes”, contou Bárbara. “Queremos que o aluno do Ensino Médio conheça mais do que é produzido na Universidade, se encante com a ciência e tenha o desejo de estudar na UFJF”, acrescentou a coordenadora.

A data de lançamento também é um marco importante, já que nessa quarta-feira foi celebrado o Dia C da Ciências. “É um movimento, a partir de todas as universidades e centros de pesquisa do Brasil, que se mobilizaram com o intuito de sensibilizar a população para a importância e o impacto da ciência produzida no país”, ponderou.

O “Eis a questão” é formado por quatro produtos: podcast, vídeos de animação, vídeos com pesquisadores e um game, que já estava disponível para dispositivos com sistema operacional Android e, para iOS, estará acessível em um mês. “São produtos de Comunicação que facilitarão a compreensão em relação à ciência”, reforçou a coordenadora.

 

GAME

No jogo, o estudante será um jovem com a possibilidade de viver a experiência na Universidade. “O aplicativo é um quiz e o jovem entra com um avatar de um estudante que não ingressou na Universidade. Ele começa respondendo questões ligadas ao Enem, com se estivesse realizando a prova. No momento em que ele consegue pontos suficientes para passar, ele entra na UFJF. Daí por diante, ele se torna calouro, veterano, monitor de determinada área e, por fim, um professor. Ao longo dos níveis, as perguntas vão ficando mais difíceis”, explicou Bárbara.

Aos jogadores, serão apresentadas perguntas relacionadas às pesquisas realizadas na UFJF e três opções de resposta. “Ao longo do jogo, ele vai sendo encaminhando para uma determinada área, a que ele tiver mais aptidão. Por exemplo, se ele está acertando mais perguntas de exatas, o jogo naturalmente envia mais pergunta desta área e no final ele se torna um professor de exatas”.

Além disso, também serão apresentadas curiosidades sobre ciência e tecnologia. Os alunos ainda terão acesso ao seu posicionamento no ranking, bem como a colocação de sua escola e, quanto mais respostas corretas, melhor o posicionamento do jogador.
Os vídeos animados, de temas variados e realizados com apoio de pesquisadores da UFJF, serão divulgados através do canal da Universidade no Youtube. O podcast está disponível no Soundcloud e em aplicativos para Android e iOS.

Postado originalmente por: Diario Regional – Juiz de Fora

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: