IGP-M volta a subir em novembro e já acumula alta de 24% em 12 meses

Segundo a FGV, alta é puxada pelo preço das commodities agropecuárias

Depois do avanço registrado em outubro, o IGP-M, Índice Geral de Preços – Mercado, utilizado como referência para a correção de contratos, como os de aluguel de imóveis, voltou a subir em novembro. A alta foi de 3,28%.

Com o resultado, o índice acumula alta de 24,52% em 12 meses; índice maior do que o acumulado em 2019,  de 3,97%. A Fundação Getúlio Vargas, responsável pela divulgação dos dados, explica que o índice vem sendo puxado pelo preço das commodities agropecuárias, como o milho, trigo e bovinos.

O Índice de Preços ao Produtor Amplo, que mede o atacado, teve inflação de quase 4,5%. Neste mês de novembro, o índice de Preços ao Consumidor, que mede o varejo, ficou em 0,72% frente a 0,77% em outubro. Já o Índice Nacional de Custo da Construção registrou variação de 1,29%.

*As informações são da Radioagência Nacional. 

 

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: