Minas Gerais tem mais 5 milhões de pessoas sem proteção contra o sarampo

A Secretaria Estadual de Saúde (SES) divulgou nessa quarta-feira (7) que cerca de 5,3 milhões de pessoas com idades entre 1 e 29 anos, não tomaram a vacina que previne contra o sarampo.

Em 2019, quatro pacientes tiveram o diagnóstico positivo para a doença no estado. Ao todo, foram 190 notificações em 73 cidades, de acordo com os dados.

Dos quatro casos de sarampo confirmados em Minas, dois foram registrados na capital mineira. A Secretaria Municipal de Saúde publicou um alerta para a população intensificar a verificação da situação vacinal, já que Minas tem um fluxo com os estados vizinhos, como São Paulo que registrou 633 casos confirmados da doença.

A SES orienta que os não imunizados procurem os centros de saúde para tomar a dose contra o sarampo. Além disso, as pessoas que já tomaram uma dose da vacina precisam reforçar com a segunda, pois é o que garante a proteção dessa parcela da população.

O professor da Universidade Federal de Minas Gerais, Flávio Fonseca afirmou que a vacinação é muito importante. O profissional ainda disse que o índice de habitantes desprotegidos é decorrente da disseminação de Fake News e sendo assim, é necessário ações de conscientizações urgentes.

Vale lembrar que a campanha nacional de vacinação, realizada todos os anos em agosto, foi adiada para outubro.

Além disso, as complicações decorrentes da enfermidade podem levar à morte. E a situação é ainda mais grave em crianças menores de 1 ano desnutridas e também em indivíduos imunossuprimidos, ou seja, com redução da atividade ou eficiência sistema imunológico.

(com supervisão de Victor Veloso) 

Anexos para downloads:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: