Tanqueiros entram em greve a partir desta sexta-feira (26) em Minas Gerais

A categoria reivindica a redução do Imposto Sobre Circulação de Mercadorias e Serviços, o ICMS, cobrado sobre o diesel

Na tarde dessa quinta-feira (25), durante assembleia, os caminhoneiros responsáveis pelo transporte de combustíveis em Minas Gerais decidiram entrar em greve. Os tanqueiros, como a categoria é conhecida, reivindicam a redução de 3% no Imposto Sobre Circulação de Mercadoria e Serviços (ICMS) cobrado sobre o óleo diesel.

De acordo as informações do presidente do Sindicado das Empresas Transportadoras de Combustíveis e Derivados de Petróleo do Estado de Minas Gerais (SindTanque-MG), Irani Gomes, a greve acontecerá por tempo indeterminado.

“Os caminhoneiros então foram para as garagens e ninguém vai fazer a distribuição de combustíveis a partir desta sexta”, afirmou Gomes.

A categoria busca a redução de 15% para 12% no ICMS. O presidente ainda afirmou que nesta sexta-feira (26) os impactos já começam a refletir, visto que não haverá abastecimento e os postos não terão reserva.

Já o governo de Minas informou, por meio de nota, que as alterações no preço dos combustíveis não são em função do ICMS, mas da política de preços praticada pela Petrobras.

 

Anexos para downloads:

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: